Melhor Coréia lança um foguete. Ou um míssil. Ou os dois.

0207-launch-669x437

Ontem a Melhor Coréia, apesar de viver na miséria, depender de doação de comida da ONU, ser governada por uma dinastia de loucos que se vendem como deuses e sofrer todo tipo de sanção inimaginável, demonstrou que tem um programa espacial melhor do que o nosso.

Ou um programa bélico, isso ainda não foi decidido.

Aqui o vídeo do lançamento:


Russia Today — North Korea launches long-range rocket believed to be front for missile test

Isso não agradou… bem… ninguém. A Pior Coréia está considerando comprar sistemas antimísseis dos EUA, a ONU disse que o lançamento violou umas 5 resoluções, o Japão falou que iria derrubar o míssil se fosse lançado, e a China, o melhor amigo que o Grande Líder tem no mundo, se disse preocupada e contrariada pelo lançamento.

Vamos aos fatos:

1 — É um foguete ou um míssil?

De forma simplificada a diferença entre um ICBM e um foguete é que o ICBM tem na ponta uma coisa que faz CABUM. O foguete Redstone que levou Alan Sheppard em seu vôo histórico era essencialmente um míssil nuclear modificado. A grande diferença é que foguetes costumam ter dois estágios, colocando coisas em órbita e misseis são lançados em longas parábolas caindo de volta.

Esse é o problema, e por isso estão reclamando. A Melhor Coréia diz que fez um lançamento pacífico, mas ela basicamente desenvolveu um míssil intercontinental capaz de atingir qualquer país do mundo, se não diretamente, através de um ataque orbital. O satélite, chamado Kwangmyŏngsŏng-4 está em órbita com uma inclinação entre 97,5 graus; apogeu de 502 km, perigeu de 465 km. Uma órbita meio porca, há indicações de que não era a planejada.

2 — Há motivo para alarme?

O Japão chegou a mandar alertas globais via celular para todos os cidadãos, mas é só parte do teatro. A Melhor Coréia NÃO vai atacar ninguém com UM foguete. É absolutamente impensável um ataque nuclear nessas condições, só serviria para o mundo inteiro, de Wakanda à Latvéria se unindo para dizimar todas as tropas e governantes da Melhor Coréia. O Grande Líder só ganha se ameaçar, não se cumprir.

Há outros fatos também: a tecnologia nuclear deles também é pré-Hiroshima, o último teste foi uma bomba (no bom sentido) e está evidente que não estão conseguindo produzir detonações realmente potentes. Se nem isso dominam, que dirá a tecnologia suficiente para miniaturizar isto:

150717145802-16-hiroshima-70th-anniversary-photos-restricted-super-169

Fat Boy, a Bomba de Hiroshima, potência equivalente a 15 mil toneladas de TNT, 1945

Nisto:

W48_155-millimeter_nuclear_shell

Ogiva W48, 1963, usada como peça de artilharia, potência equivalente a 72 toneladas de TNT e a bomba atômica mais fofa do mundo.

Mesmo que eles consigam miniaturizar a bomba, há a parte mais difícil: a reentrada. Depois que o primeiro estágio atinge o espaço, e o módulo com as ogivas continua a parábola até o alvo, ele se separa no chamado MIRV — Veículos de Reentrada Independentes e Múltiplos, uma forma de lançar várias bombas com um foguete só e saturar uma área de centenas de km com várias bombas. Aqui um Minuteman III, com… 3 ogivas nucleares:

LGM-30G_Minuteman_III_MIRV

É preciso muito dinheiro muito teste e muito know-how para fazer uma ogiva resistente o bastante para reentrar na atmosfera a vários km/s, resistir ao calor, pressão e ainda explodir acima do alvo, com um mínimo de precisão.

MESMO que a Melhor Coréia tivesse resolvido todos esses problemas, na situação atual ela é um sujeito no prédio em frente apontando um revólver com uma bala para o prédio vizinho. Só que o prédio vizinho é a Torre d’Os Vingadores.

3 — E agora?

Diz a Pior Coréia que o Grande Líder está preparando outro teste nuclear. Se der chabu como o anterior, tudo bem. Se for melhorzinho, ou ele até conseguir uma reação termonuclear, aí muita gente levantará a orelha e começará a se preocupar a sério, além da falsa indignação de propaganda.

Caso a Melhor Coréia comece a se armar a sério, pode chegar a um ponto em que uma incursão armada seja possível. Será que o ocidente abriria mão de Seul para evitar uma guerra nuclear? Funcionou com a Crimeia, Putin basicamente roubou um pedaço da Ucrânia, e ninguém falou nada. Peitar uma potência nuclear pra quê?

Não se sabe qual a quantidade mínima para causar preocupação. Dez, vinte, cem ogivas? E quanto o ISIS estaria disposto a pagar por uma? A comunidade internacional arriscaria uma invasão de uma ogiva nuclear da Melhor Coréia, vendida ao ISIS, explodisse em Teerã?

Essas perguntas ficam melhor sem resposta. Sinto que o Grande Líder está perto de ter ser chamado na chincha, no melhor estilo Kimzinho, chega de playground, sobe que tá na hora de tomar banho pra jantar.

Relacionados: , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar
  • Alvaro Carneiro

    como sempre: não vai dar em nada.

    um teatro, muitos espectadores e só.

    • Basicamente. Só escalaria se o Grande Líder fosse burro.

      • jairo

        Passaria a ser um problems caso a China se irrite , com certeza ela nao possue interesse de uma ainda maior presença militar americana , Japão se rearmando…..devido os shows pirotécnicos do Pin Pong Il.

        • Ivan

          China e Coreia do Norte não são amigas? ou pelo menos “colegas”? Acho mais facil o Japão ou Coreia do Sul se irritarem e chamarem o irmão mais velho (EUA) pra resolver o problema.

          • Islan Oliveira

            A Coreia do Norte é pra China aquele parente pobre que você ajuda, mas que é chato pra caralho e de vez em quando tu tem que reclamar com ele.

          • EUA não tem interesse. Eles não precisam de arroz, nem de espaço para guardar veículos. Capaz de dar as costas e falar: “vocês se mijaram, agora se limpem”.

          • Ivan

            Corei do Sul e Japão são aliados dos EUA, só pesquisar e verá que EUA fizerem alguns treinamentos miltares nos mares do Japão e Coreia do Sul depois que a melhor Coreia testou bombas atomicas, além que EUA adora se intrometer onde não foi chamado.

          • Felipe Snow

            e por aliados leiam pederam a guerra e foram ocupados e a influência até hoje permanece.

          • É apenas um exercício com interesses bem específicos e para dissimular conflitos. Não equipare um tapinha nas costas dizendo “Ei sou o irmão mais velho, não mexa com o caçula aqui” com os custos logísticos necessários para suportar uma guerra ou invasão.

            Certamente os EUA até apoiariam com informações e suporte, mas não os vejo enviando tropas. Até porque, fazê-lo seria o mesmo que convidar os 620 milhões de soldados (fora reservistas) que estão ali do lado para o mesmo jantar e ter que pagar a conta.

          • Ivan

            Então seria apenas coincidência exercicios militares e aviões sobrevoando a coreia do sul? acho que nao.

          • A Coreia do Sul só trabalha do lado do Japão porque os EUA manda nos dois. Historicamente os coreanos odeiam os japoneses por séculos de ocupações e abusos.

          • Ricardo Silva

            Sim, Japão escravizou os coreanos, tanto que a poucos meses atrás pediu desculpas públicas pelas escravas sexuais coreanas …

          • Ricardo Silva

            E os EUA perderem dois clientes deste tamanho? jamais kkk

        • A Coreia do Norte é a Zona Neutra ou DMZ da China. Um buraco territorial que protege a fronteira comunista chinesa do resto do mundo.

          A China tem interesse em manter esta zona, por isto apoia o Grande Líder. Ao mesmo tempo, não pode se indispor com a comunidade internacional, já que tem negócios com a maior parte do mundo.

          O liderzão por sua vez sabe que pode rosnar. Está tentando latir para ver o que acontece e se chama mais a atenção. Agora morder, só sendo idiota (ele não é, só se faz de louco).

          É uma situação interessante, pois se um dia qualquer aí, Seul ou aliados resolver invadir de um lado, e a China não apoiar mais o Grande Lider, é capaz de invadirem pelo lado oposto para proteger suas fronteiras, deixando Kim Jong com o Un na mão.

          Seria um repeteco da história.

          • Xultz

            A Coréia do Sul não tem o menor interesse em invadir a Coréia do Norte, porque aquilo ali não tem valor nenhum, é só um grande abacaxi para ser descascado (o que se traduz em “iria custar uma fortuna”). Quando as duas Alemanhas se unificaram, o lado capitalista teve que arcar com um país atrasado, e uma população que queria ter acesso a tudo o que os habitantes do lado capitalista tinham. Foi um choque cultural grande, e um custo enorme. A Coréia do Sul sabe disso, e não vai se meter com o Norte, a menos que o Kim pire, o que ele não vai fazer. A maioria das notícias que ouvimos por aqui da Coréia do Norte sequer vira notícia no Sul, eles têm coisa mais importante prá fazer.
            A gente sempre curte sonhar inocentemente com a situação onde um país vai lá libertar o povo oprimido do norte, mas isso não vai acontecer, a menos que isso forneça lucro financeiro bem significativo. Faria sentido o Brasil invadir a Coréia prá surrupiar o programa espacial coreano…

          • Ivan

            Não ter perigo de ser bombardeada por um missel nuclear acho que é motivo suficiente pra invadir a coreia do norte.

          • Em nenhum momento disse que Seul e aliados vão invadir. Isto é uma situação na qual ocorre num extremo. Até lá, existem umas 20 maneiras de forçar o país a se adequar.

          • Ricardo Silva

            Cara nem os EUA quer que a melhor coreia acabe, você acha que o japão e a pior coreia compram armas de quem?

    • Ricardo Silva

      Muitos espectadores? ou muitos atores? …

  • Diego Marco Trindade

    Cardoso comentarista de relações internacionais na globo news. Muito melhor que aquele pessoal do Manhattan connection.

    • Rogério Nascimento

      Qualquer um é melhor que o pessoal do citado programa.

    • Rolando

      Globo News? Seria melhor citar logo o Granma ou a Carta Capital.

      • KVRGANIVS NOSTRATORVM

        CARTA REDAL

  • Ivan

    Podiam riscar do mapa o centro de comando da melhor coreia com o melhor ditador junto.

  • Narciso

    vai barganhar uns carregamentos de comida e menos arroxo nos bloqueios e a vida continua

    • Lucas Timm

      Que comida o que, o governo norte coreano se preocupa muito mais em conseguir Mercedes Bens.

      • KVRGANIVS NOSTRATORVM

        NA VERDADE O QUE TA EM JOGO É O REGIME SE POR GRACINHA O EXERCICIO VIRA INVASÃO DAI ELE VAI PREFERIR IR PRA GUERRA TOTAL AO INVES DE SER MAIS UM SADDAM OU KHADAFI TROUXAS

        • KVRGANIVS NOSTRATORVM

          SOME TOKYO SEUL LOS ANGELES ETC

          • KVRGANIVS NOSTRATORVM

            BOA PARTE DAS POUCAS CIVILIZAÇÕES NOTAVEIS NO OCEANO MOR

  • Carlos Eduardo

    Esqueceu de comentar que a coréria do norte não pode invadir a do sul porque os usa tem base lá

  • Risos controlados.

  • Alex Bachiega

    JAPAO NÃO TEM FORÇAS ARMADAS, POR FORÇA DA CONSTITUIÇÃO DAQUELE PAÍS, COMO O JAPÃO VAI “DERRUBAR O MÍSSIL “??

    • Wallacy

      O Japão já se remilitarizou faz um tempo.

    • Fernando Turatti

      cara, do que você está falando?
      O Japão NUNCA deixou de ter forças armadas, a diferença é que elas chamam “força de autodefesa do japão”, mas eles tem, assim como todo país, uma marinha, uma força aérea e um exército, e todos MUITO bem capacitados e equipados. As três forças contam com boa parte dos equipamentos de ponta made in USA, então relaxa, seus destroyers com sistema AEGIS são plenamente capazes de botar um míssil abaixo.

  • Luiz Piacezzi

    Blá blá blá…

  • Luiz Piacezzi

    Brasil lançou um foguete. Cuba também vai lançar. Lança Cuba lança. Quero ver Cuba lançar

    • flavio

      Se colocarem a Dilma nesse foguete eu TB to torcendo para lançarem….

      • KVRGANIVS NOSTRATORVM

        ELA É PESADA DEMAIS O FOGUETE IA FICAR ATOLADINHO COMO NA “MUSICA”

        • flavio

          nunca é tarde demais para uma resposta ^^

          • KVRGANIVS NOSTRATORVM

            É QUE AS NOTICIAS NÃO SÃO LIDAS QUANDO SÃO LANÇADAS MUITAS VEZES

          • KVRGANIVS NOSTRATORVM

            NOTE QUE EXISTE O RETROSPECTIVA E LÁ HÁ MUITA COISA QUE MUITOS NÃO VIRAM

    • Thiago

      Mas Cuba lançou no carnaval! Já não basta? rsrs

  • guilherme daniel

    Eu sei que vc não leu o nome do míssil todo.

  • Linda situação para os EUA venderem seus sistemas antimísseis.

    • KVRGANIVS NOSTRATORVM

      POIS ESSA EVOLUÇÃO SUBITA NA JATOPROPULSÃO COREANA PODE TER UM DEDO DA CIA A MANDO DAQUELA MEIA DUZIA A LA TRUMP

  • zé garruchada

    E a mídia fatalista tocando o terror. Deixa a roça do norte pra lá.

  • Diego Bela Azevedo

    O mundo de está unido está em guerra! São esses os deuses, grandes lideres, presidentes, governantes, poderosos, imperadores, poderosos, milionários? Todo esse poder é para vivermos em guerra e no meio dessa corrupção toda é? O chamado povo, de todo o mundo tem que criar uma associação dos fiscalizadores público, fiscais esses que iriam participar de capacitação, palestras educativas etc, e o principal conhecer a Constituição da Republica Federativa do Brasil, conhecer as leis que rege, aprender sobre administração pública que é para mim administração de vidas e não uma empresa, só a união pode melhorar nossas vida e todas as vidas terrestre…
    OBS: É para cada nação conhecer e respeitar as leis de Deus e dos Homens, o que é bom é claro!

  • Jehremias Roitmann

    Que papo é esse de “MELHOR” Coreia?….Só pode ser zueira….

    • Foram eles mesmos que se proclamaram assim

    • Thiago

  • HERMES FURTADO

    Essa denominação de Melhor Coréia e Pior Coréia é coisa de COMUNA.

  • Cássio Amaral

    Só pode ser coincidência! Nesse fim de semana eu assisti a dois clássicos do gênero apocalipse pós-nuclear: O Dia Seguinte (The Day After, 1983) e Catástrofe Nuclear (Threads, 1984). No primeiro filme, mostrava justamente mísseis LGM-30G Minuteman III sendo lançado em retaliação aos ICBMs lançados pelos soviéticos no estado do Kansas.

    Threads, aliás, é um dos filmes mais depressivos que eu assisti, incrivelmente realista e chocante, recomendo a todos os entusiastas de armas nucleares do Meio Bit.

  • Paulo de Tarso

    Na verdade, a única coisa que impede a melhor Coréia de ser um quintal dos EUA é a loucura dos seus líderes. Afinal, quantos países os EUA já invadirem sem autorização da ONU. E vejam que não estou tomando parte no conflito, eu torço mais por uma solução que privilegie o povo coreano.

    • Celso F. Trucolo

      ‘Na verdade, a única coisa que impede a melhor Coréia de ser um quintal dos EUA é a loucura dos seus líderes”

      É verdade, veja por exemplo o Saddam Hussein, equilibrado, ponderado, pacifista, teve o país invadido.

      • Paulo de Tarso

        A loucura de um é diferente da loucura do outro.

        Um lastrea sua loucura em armas nucleares.

        O outro não lastreava.

        Consegue ver a diferença na “loucura”?

        Paz

  • O texto estava muito bom, até me chamar de “Kimzinho” , Kimzinho tuas nega.
    É Lider Supremo para você.

    Vamos explodir essa bomba no proximo show da Joelma, estejam todos avisados.

    • KVRGANIVS NOSTRATORVM

      UMA OGIVA É CARA NÃO SE PODE GASTAR COM QUALQUER COISA

      • KVRGANIVS NOSTRATORVM

        NUM BAILE FUNK ERA MAIS EUGENICO O RJ NUM RAIO DE POUCAS DEZENAS DE KM TEM A MAIOR CONCENTRAÇÃO DE ALOGENOS E DISGENIAS NUM RAIO DE MILHARES DE KM PIOR QUE A BA

  • KVRGANIVS NOSTRATORVM

    ELES EVOLUIRAM MUITO EM JATOPROPULSÃO QUASE AO NIVEL DO IRÃO E O IRÃO JA DEVE TER ALCANÇADO OU ULTRAPASSADO ELES NO SETOR NUCLEAR

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis