Microsoft confirma aquisição da SwiftKey

swiftkey

Os rumores se provaram verdadeiros. Através de comunicados oficiais a SwiftKey e a Microsoft confirmaram que o aplicativo de teclado inteligente foi adquirido por Redmond por um valor não revelado, embora fontes afirmem que o negócio tenha sido fechado por cerca de US$ 250 milhões. A meta é integrá-lo Às soluções Windows 10 Mobile sem perder o foco em Android e iOS.

As primeiras informações acerca da negociação vieram quando o Financial Times publicou a novidade, inclusive com o dito valor que a Microsoft desembolsou pelo app. Ele não é um exagero, embora seja um dos melhores aplicativos de teclado disponíveis para o Android (ainda que o sinônimo do formato ainda seja atribuído ao Swype, o primeiro a se tornar popular) ele não consegue fazer muito dinheiro, tendo atingido apenas umma receita de US$ 12 milhões em 2014.

Ainda assim o app é visto como um dos melhores e mais refinados de sua categoria. Seu recurso de autocorreção baseado em redes neurais consegue antecipar com bastante precisão o que o usuário pretende digitar, e naõ só é um dos apps do tipo mais populares do Android como em 2014 foi integrado ao iOS. A empresa também é responsável por um software de ponta que permite o renomado Dr. Stephen Hawking se comunicar, já que sua situação vem se degradando cada vez mais; hoje ele controla seu sistema de fala apenas com os olhos e movimentos das bochechas e o sistema que ele utiliza hoje (onde ele digita uma letra por vez numa velocidade bem baixa), desenvolvido em conjunto com a Intel consegue prever palavras inteiras.

stephen-hawking-swiftkey

Dr. Stephen Hawking (junto com os engenheiros Stephen Spencer, Joe Osborne e James Hay), o mais ilustre usuário das soluções SwiftKey

A Microsoft pode muito bem incorporar o SwiftKey em suas soluções mobile, já que o app não está disponível na plataforma e Redmond possua um teclado próprio, o Word Flow (que será lançado para iOS, contando com um curioso e utilíssimo modo de uma mão só). A ideia é fazer dos dois um só, mas de qualquer forma as versões para Android e iOS não serão descontinuadas. Na verdade elas poderão até ganhar mais recursos. Quanto à equipe de cerca de 150 profissionais da SwiftKey que trabalham em Seul, Londres e São Francisco, o mais provável é que sejam absorvidos pela Microsoft Research.

Poranto usuários do SwiftKey no Android e/ou iPhone, fiquem tranquilos: ao menos por enquanto o app não irá a lugar nenhum e há grandes chances dele se tornar ainda melhor.

Fontes: MicrosoftSwiftKey.

Relacionados: , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Walmart, Cupom de desconto Ricardo Eletro, Cupom de desconto Extra, Cupom de desconto Martins Fontes Paulista, Cupom de desconto Empório da Cerveja