Windows Phone, o Opera dos smartphones, estaria perto do fim?

Laguna_Evolution_of_a_Hipster_peq

Hipsters, Hipsters everywhere! (crédito: Move That Jukebox)

Confesso: talvez eu seja o diferentão. Isso explica porque prefiro o teclado belga ao francês. E isso também deve explicar parte da minha simpatia com o Windows Phone. A outra parte justifico com a saudade da velha Nokia.

Infelizmente, por uma série de infelizes coincidências, acabei indo em outra direção. Em certas noites de solidão tecnológica, por escolher apenas um determinado lado, fico a imaginar como estaria se eu tivesse escolhido um Lumia como smartphone principal.

Laguna_Windows_Phone_the_iPhone_killer

Arrogância: fãs do Windows celebram funeral do iPhone… cedo demais (crédito: The Verge)

Dependendo do ano em que comprasse o topo de linha, especialmente entre o final de 2012 e o começo de 2014, estaria feliz: boa parte dos apps que uso no meu atual iPhone 6S tem versão Windows Phone. Só que alguns desses apps estão desatualizados, notadamente o Instagram. Segundo problema: dependo de ferramentas do Google e este não disponibiliza tantos aplicativos quanto no iOS. E estamos a falar apenas do software.

O tio Laguna considera o Windows Phone melhor otimizado que o Android, especialmente no mercado de entrada, mas o custo benefício do hardware não colabora. Se por um lado os aparelhos topo de linha da Microsoft não têm sido tão topo assim comparados aos concorrentes, por outro o vantajoso segmento low-end de Redmond parece uma bagunça que nem os Androids baratos da Samsung: um bocado de modelos a escolher, mas com poucas diferenças técnicas entre eles e preços muito próximos. Que o diga os Lumia 435, 532, 535 e 640.

Laguna_Lumia_435_Horario_de_Verao_WP8

Onde quero chegar?

A Microsoft vendeu apenas 4,5 milhões de Lumias no último trimestre de 2015 (Q2 FY 2016), pelo mundo. Isso representou 1,1% do mercado mundial de smartphones (foram vendidos 400 milhões de unidades de todos os sistemas operacionais em tal trimestre). Em relação ao mesmo período de 2014, onde vendeu respeitáveis 10 milhões de unidades, a queda na receita da Microsoft referente apenas ao mercado de Windows Phones foi de 49%.

Segundo a empresa, a nova estratégia é lançar no máximo seis novos aparelhos por ano, enxugando a linha Windows Phone. Como os smartphones em si dão prejuízo, é algo sensato a ser feito.

Por mais fã que eu fosse da Nokia e/ou do Windows Phone, estamos no quinto quase sexto ano do sistema (conto desde o WP7) e ele não fez nem cócegas na concorrência contra o Android e iOS. A drástica transição do WP7 para o WP8 matou a confiança dos consumidores e mesmo hoje temos mais consoles Xbox One rodando Windows 10 que smartphones: até agora, somente vemos o Windows 10 Mobile nos Lumia 950.

Por mais vanguardista e pioneiro que o Windows Phone 7 tenha sido ante o iOS e o Android lá em 2010, por melhor que tenha sido o esforço de Redmond em popularizar seu sistema, talvez seja a hora de reconhecer que o “Ano do Windows Phone” será o mesmo “‘Ano do Linux’ no desktop”.

Uma Nova Esperança — o “Surface Phone”

Talvez a Microsoft esteja preparando um Surface Phone. Um smartphone que possa usar o Windows 10 Full seria um caminho bem interessante: ao ligarmos o aparelho no dock USB-C, temos um desktop com Aplicativos Universais e até outros programas de legado.

Tecnicamente é possível um computador de bolso com processador Intel e tudo. O grande problema do Windows RT foi esse: tentar emular o desktop num tablet ARM sem apps legados.

Enquanto usado como smartphone, um Surface Phone apenas rodaria a interface mobile dos apps universais. No Display Dock, um Surface Phone seria quase tão desktop quanto o irmão maior em vez de ser apenas um tablet com teclado. Eu compraria algo assim, se a cotação do dólar colaborasse.

Fontes: Engadget e The Verge.

Leia também:

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Emanuel Laguna

O “tio Laguna” nasceu no Siará em meio à Fortaleza de 1984. Sempre gostou de brincar de médico com os aparelhos eletrônicos e entender como um hardware dedicado a jogos funciona, mas pretende formar-se como Engenheiro Eletricista qualquer dia. Antes apaixonado pelos processadores gráficos desktop, vê nos smartphones, tablets e outras geringonças mobile o futuro da computação.

Compartilhar
  • Samuel

    Por mim, antes de morrer, ele agarrava o pé do Windows pra desktop e puxava junto

    • Thiago

      É amiguinho… Aí você teria que acordar do seu sonho… Windows não tem concorrência à altura (seja em preço – Mac, ou seja em usabilidade – Linux).

      • HomeroGamer-BanidodoMB

        Valor do SO do mac é MUITO inferior ao do windows (pena que só se produza ele para macs) e usabilidade do linux é MUITO superior ao do windows (pena que as pessoas se acostumaram a só usar os programas para windows e não conseguem mais sair disso).

        • Thiago

          Não cara… a usabilidade do linux é um lixo. Eu tenho conhecimento e sei que não posso colocar para meu pai/mãe/quem quer que seja porque vai me dar trabalho posteriormente.
          É um ótimo sistema? É. Sólido? Sim. Usável? Não

          Ter que chamar linha de comando para instalar um hardware? um aplicativo? Recompilar kernel com driver? Ah cara… Em pleno 2016 isso não existe

          • Taichou12

            “Chamar linha de comando para instalar um hardware…”
            É, realmente ele tem “conhecimento”. Não sei qual foi a ultima distro que você usou a 10 anos atrás, mais tem tempo que não instalo programas via linha de comando no ubuntu. Você é apenas mais um papagaio de pirata.

          • Jean

            10 anos? Acho que naquela época já não precisava ficar quebrando cabeça para instalar hardware comuns. Agora se for hardware “diferenciado”, tipo VGA da SiS ( hahahah ) , é outra conversa.

            Na real acho que essa de Windows inseguro e Linux difícil é velha demais e não é mais válida.

            Desenvolvo num Fedora, uso linha de comando para startar o mysql e apache, e chamar o cordova ( no Windows tb tenho que ficar com a janela do cmd aberta para isso ) . De resto tudo é na interface, isso porque o Gnome 3 é uma bosta no sentido de oferecer ferramentas que substitua bem a linha de comando.
            Vou acessar minha partição windows? Fácil, abro o nautilus, dou um clique no HD, ele me pede a senha do root e pronto. Acessar meu celular? plugar já abre a janelinha. Ouvir músicas? Opa, Rythmbox, no menu Atividades. Se mando pesquisar um aplicativo ( ou algo genérico, tipo, bittorent ) na pesquisa do menu atividades, e esse aplicativo não está instalado , ele já me retorna o nome do aplicativo com um ícone que quando clicado, abre a instalação do mesmo.

            Quando precisei usar linha de comando aqui para outras coisas que não sejam relacionadas a programação? Quando fui configurar, instalar aplicativos, etc. E é possível fazer isso sem linha de comando, usando o “Programas” no menu Atividades, mas eu prefiro a linha de comando que é muito mais prática. Da um “dnf install -tudo-que-voce-precisa”, vai tomar café e fumar um cigarro.

            Agora se o cara quiser usar um photoshop, Premiere, usar para jogar, até mesmo para usar o Office ( que depois do 2007 ficou muito superior ao Libre ) aí eu concordo que Linux não serve.

          • bruno miranda

            Ainda assim o premier da para ser substituído numa boa pelo Lightworks, o libreoffice vai tranquilo para planilhas e textos simples agora para quem faz uso mais avançado é contra produtivo sair do ms office,

          • Dudu Wandscheer

            Para quem é usuário do Premierè, avançado, que faz uso de ferramentas avançadas, não o trocaria por um Lightworks. Esses usuários, também, mal usam Windows, vão de OSx. E quanto ao pacote Office, é o que o mercado exige. Num curriculum, ninguém escreve: Domínio em Writer, Calc, Drawer, etc. É Word, Excel, PowerPoint. É o que o mercado consome, é o que as empresas usam!

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Errou, pega qualquer concurso público federal (aqueles que pagam bem) a exigência é libreoffice, concursos estaduais, libreoffice é necessário. Empresas se adequaram em todo lugar. Portanto mercado exige qualquer coisa, desde que o cara saiba digitar texto e fazer planilha eles tão pouco se fodendo, saia do seu quintal e vai ver que existe um mundo lá fora.

          • Mirai Densetsu

            Errou. Em editais com libre office as bancas cobram também MS office. Mas a tendência é abandonar completamente a suíte livre em favor da oferecida pela Microsoft. Faz tempo tempo que não vejo edital contendo libre office. E olhe que sou concurseiro e sempre estou de olho nos editais que saem.

            Isso porque dentro do serviço público, o libre office está sendo abandonado aos poucos.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            A claro, tão abandonando é por isso que Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul estão todos implementando atualmente e não a 10 anos atrás.

            Beleza. Próximo linux hater por favor?

          • Mirai Densetsu

            É mesmo? Vamos brincar de realidade?

            O último concurso da ANAC vai cobrar MS office 2013. Libre office? Nem menção no edital. TCE/SC? Cobrando desenvolvimento pra sabe o quê? MS office. TRF/3? Coloca office nas atribuições do cargo de engenheiro elétrico.

            Mais? CPRM cobrando MS Office normalmente. Libre Office? Nem menção. STJ? Não cobrou libre office. Apenas MS Office 2013.

            Só pra falar de concursos recentes. Há dois ou três anos você estava certo, mas agora o número de concursos cobrando libre office vem caindo. Basicamente só alguns ministérios e outros órgãos isolados insistem nele.

            Um exemplo é o ministério do planejamento. Eles eram defensores do libre office até ano passado. Só foi trocar o ministro para que o órgão comprasse várias licenças de office 2013. E instalou em várias máquinas. Pergunte se alguém usa libre office? Kkkkkkkkkkk.

            Aliás, eles até mesmo trocaram o expresso pelo outlook.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Porque? O que o msoffice faz que o libre não faz?

          • Jean

            Não é que não faz, mas demora mais e é mais complicado. Um exemplo? Ha, por exemplo, o libre até hoje não tem o somases, de modo que pra fazer algo parecido tem que aninhar uns ifs. Isso que eu to falando de coisa simples. Fazer macro então. Pra coisas simples serve tranquilo, para coisa mais avançada é mais complicado

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Macro é a mesma coisa só muda a linguagem. Até porque não tem como “clonar” as macros do MSOffice por causa de copyright, mas ainda assim a Libre liberou ferramentas de migração de macros. Querer falar de libre tendo usado ele anos atras é a mesma coisa que eu querer dizer que office 95 não é bom porque 2016 é melhor. Existe algo chamado atualização…

            https://help.libreoffice.org/Calc/Mathematical_Functions/pt-BR#SOMASE

            Sem falar em velocidade, uma vez que usa a ferramenta de carregamento (que o office da MS deixa escondido) deixa ele extremamente rápido no
            carregamento.

            Agora tem UM detalhe que realmente incomoda. Eles ainda tem aquela de querer trabalhar em computador velho e assim deixam as configurações para pouco uso de memória e processador. Uma vez ajustado isso nas opções (opções, ferramentas, memória) ele fica mais rápido que qualquer outro.

            Portanto voltamos ao detalhe, já que ele só serve para coisa simples me diz o que ele não faz e que o office faz?

          • Thiago

            Você já usou VMWare? Eu uso bastante. Já instalou os drivers do VMware?

          • Jean

            E todo usuário comum usa VMWare.

          • Thiago

            Ué… não falaram ali que hoje em dia não se usa mais linha de comando? Para eu instalar Windows no VMWare eu não preciso “recompilar o kernel”. Vai fanboyar em outro lugar cara, eu gosto do linux, só não é usável e pronto.

          • Jean

            Deixa eu me justificar, não sou fanboy, uso e gosto dos dois sistemas. Passo a maior parte de tempo no Linux, mas tenho meu windão véio aqui para jogar, o que pra mim o Linux definitivamente não serve. Jogo que eu tenho para Linux roda mal.
            Mais abaixo fui especifico a respeito disso, copio e colo:

            “[…]
            Quando precisei usar linha de comando aqui para outras coisas que não sejam relacionadas a programação? Quando fui configurar, instalar aplicativos, etc. E é possível fazer isso sem linha de comando, usando o “Programas” no menu atividades, mas eu prefiro a linha de comando que é muito mais prática. Da um “dnf install -tudo-que-voce-precisa”, vai tomar café e fumar um cigarro
            […]”

            Claro que tem coisas que não tem como correr do terminal, como por exemplo a instalação do VMware. ( mas pelo que lembro e posso estar errado, não é recompilar o kernel, mas sim compilar o módulo do vmware ). Mas isso é a parte mais “avançada”, coisa que usuário comum jamais vai fazer.

            E claro que isso nem é tanto culpa do Linux. Quando querem desenvolvem um instalador bacana. A Intel mesmo tem um instalador filé para Linux. E olhando pelo lado dos desenvolvedores do VMware por exemplo, é difícil exigir que facilitem, pois Linux tem poucos usuários e grande parte é usuário avançado, a ferramenta é para usuários avançados, então porque vão investir para facilitar a instalação?

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Só um detalhe, pra qualquer coisa que não seja padrão no windows vocẽ também precisa de linha de comando… só pra constar valeu? ficar mimizando por ter que digitar meia dúzia de palavras é coisa de criancinha mimada que quer atenção que papai e mamãe não dá mais.

          • VMWare server é aplicativo pra quem entende, então não é desculpa. Se ele esta dificil de instalar a culpa realmente é da vmware por não ter um pacote otimizado. Por outro lado o Virtualbox, que funciona muito bem para desktop, caso seja o seu caso, tem na loja de aplicativos de qualquer distribuição.

          • Thiago

            Não cara… eu uso o Linux em máquina virtual… Para rolar a instalação dos drivers tem que recompilar o kernel e, como tem questões específicas, a instalação é por linha de comando (mas realmente boa parte da responsabilidade está com a VMWare mesmo). Acho que o problema deles, neste caso, é justamente a fragmentação do linux que impede que eles façam uma interface de instalação única… Enquanto o linux não for um só, vai ser coisa de geek… Pai, mãe, tio e tia não o verão instalados em seus computadores (eu sei, eu já tentei… e só me deu dor de cabeça rs)

          • Eu por outro lado sempre fiz o caminho inverso, eu tinha um servidor Xen que rodava meus servers Linux e Windows sem problemas de drivers. Eu não sei quais distribuições você usa, mas com certeza o suporte da vmware deve estar limitado a poucas distribuições homologadas, o resto precisa instalar tudo na unha mesmo. Quanto a Linux, Windows, Mac, ou qualquer sistema operacional ser coisa de Geek ou não, não importa oque o usuario esteja usando, na hora que der pau ele vai chamar o técnico pra concertar , e sempre vai culpar o sistema ou programa que ele não sabe usar.

          • Thiago

            Era Ubuntu mesmo que eu colocava por ser mais amplo e com mais possibilidade de compatibilidade e disponibilidade de software na “lojinha”.
            Quanto a última frase, acrescento que pai/mãe administrador é pedir para reinstalar qualquer sistema operacional pelo menos uma vez por semestre rs

          • Infelizmente maquina de usuário é isso ai, você chega tem um milhão de icones na tela, 6 barras no internet explorer, metade dos trojans existentes na maquina, acaba sendo mais fácil formatar mesmo. Nesse caso, quando meu pai não tinha computador e tinha que usar o meu com linux era vantajoso, ele não conseguia instalar nada por que não era administrador e também não reclamava, por que os ícones do que ele precisava estavam todos na tela. Depois que ele comprou notebook pra ele com Windows, tenho que fazer a limpeza sempre.

          • Dudu Wandscheer

            O problema é que ele nunca vai ser um só, até que uma empresa resolva fazer um sistema baseado nele e distribua/venda. É como o Android, é baseado em Unix, mas é de propriedade da Google e o OSx também, mas é de propriedade da Apple. Eles crescem por que são um só! O Problema é que o OSx está preso aos produtos da Apple, por exemplo.

          • Samuel

            RedHat, Oracle Linux, têm vários vendidos, com suporte e tudo mais.

          • Dudu Wandscheer

            Cadê a estratégia de marketing? Cadê o incentivo a developers? Enquanto Linux quiser viver da própria fama, nunca será popular. Linux já perdeu o bonde!

          • Samuel

            Cara, não se preocupa com o Linux em desktop pq esse bonde já passou. Popular hoje é o Android.

          • Mirai Densetsu

            Só que são empresas com distribuições voltadas exclusivamente para servidores. Não conta.

          • Mirai Densetsu

            Ainda assim é um saco de instalar e a integração com o host não funciona sempre.

            Uso o virtual box para desenvolvimento.

          • Samuel

            Vc rodaria VMWare em produção em uma máquina Windows? Se sim, use Windows. Se não, siga os passos do fabricante do VMWare para instalar no sistema operacional que atenda sua necessidade de SERVIDOR

          • MacTantan

            Também “tenho conhecimento”, Sr. T12, no trato com dois sistemas operacionais de base Linux: openSuse e Ubuntu (além de utilizar Windows desde sua versão 3.11 e MacOs desde o System 7). Apesar de gostar de fuçar os painéis de controle sou, na maior parte do tempo, um usuário comum.
            Thiago tem razão.
            Não tem cabimento percorrer a Rede tentando descobrir como instalar o Google Earth em uma distro Linux!.
            É absurdo ter que digitar linhas de comando (que mais parecem vir da cultura Klingon) para apagar versões anteriores do Kernel, que se acumulam a cada atualização.
            Seria divertido, se não fosse trágico, testemunhar o desespero dos valentes usuários que, como eu, teimam em dar uma chance ao Pinguim (experimente jogar no seu buscador favorito os termos “grub”, “partição”, “sumiu”, “socorro” e “putaquepariu”)
            Listei simples exemplos do calvário que um usuário comum tem percorrer para realizar algumas tarefas, que em nos SO’s da MS e Apple são rotineiras e ocupam a atenção de três neurônios.

            Em tempo: seja mais respeitoso com que não pensa igual a você.

          • Taichou12

            bom eu usava programas que apagavam kernel antigos em ambiente gráfico, hoje usando fedora, ao instalar uma nova versão ele mesmo apaga as versões antigas, e que fique claro não sou xiita do linux, tão pouco uso meu fedora por ódio ao windows, muito pelo contrário uso os dois sistemas, cada um me atende de forma diferente.

          • Você anda usando arch linux? Slackware? Mageia e Ubuntu nunca precisei entrar em linha de comando pra instalar um driver, nunca precisei recompilar o kernel em distribuição nenhuma.

          • Thiago

            Esses dias fui instalar um aplicativo que tinha dependências que o linux simplesmente não conseguia achar. O que fazer nesse caso? Pensando no usuário comum se debatendo com aquela tela?
            Enquanto não tiver uma distro com toda a comunidade trabalhando junto, vai ser essa merda de tipos de instaladores para tipos de linux… e os desenvolvedores querendo distância dele

          • Dudu Wandscheer

            O que quebra o Linux é a fragmentação, mal de software livre.

          • Samuel

            Não é fragmentado nao cara. O que temos são distros diferentes, mas os programas são os mesmos

          • A fragmentação pode ser um problema pra quem distribui software proprietário no linux, quando o cara tem o código fonte geralmente monta o pacote compilado pra distribuição. Mas caso o cara queira mesmo distribuir software proprietário é so fazer igual ao aplicativo do steam, ele compila e manda todas as dependências dentro do software de instalação, dessa forma a unica dependencia é o xorg e a libc serem iguais ou superiores ao minimo necessário, oque qualquer distribuição de no maximo 5 anos de idade vai rodar. Ou seja o problema da fragmentação é contornavel, se o cara que desenvolve o software realmente quiser.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Isso concordo em gênero, número e grau.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Qual aplicativo, era algo que o usuário comum usa ou é mais um desses que você usa e mais ninguem? E qual a distro, era user friendly ou era um slackware da vida feito pra nerd?

            Uma vez eu tava usando um windows e ele deu tela azul após instalar o driver e não adiantava reiniciar? E ai como que o usuário comum resolve isso?

            Portanto antes de começar a falar sobre problemas, problema se resolve com usuário avançado e não com comum.

          • Ryderr3

            Nossa, nunca fiz nada disso que você diz e uso Linux Ubuntu desde 2010 (atualmente Xubuntu), minha tia e irmã usam e nunca tiveram problema.
            O Xubuntu é tão facil de mexer quanto um Windows XP/7

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Aham, claro… obvio. Entende muito. Conhece muito, agora pode ir brincar no parquinho com as outras crianças.

          • Thiago

            HAHAHAHAHAHA valeu cara! Precisava rir um pouco depois de um dia de merda no trabalho!
            Agora deixe de lado um pouco seu analfabetismo funcional e releia meus comentários… Afinal não tenho culpa que você é tiozão, mas desprovido de intelecto. Em momento algum falei que conheço muito. Por imbecis como você que as pessoas têm aversão a geeks, pois uma pequena parcela é a toda poderosa conhecedora que sempre os considerará inferiores… Se bem que na internet todo mundo manja tudo! Você? Há! Valeu pela risada! Agora volta pra sua frauda geriatrica.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Então se não conhece o suficiente pra falar não venha falar merda. Vai primeiro conhecer algo pra poder falar.

        • Dudu Wandscheer

          Usabilidade do Linux é superior ao do Windows? Nem OSX é. Por favor né? Ainda mais aquele gerenciador de arquivos ridículo!

          • Jean

            Qual, Dolphin ou Nautilus? Rídiculo porque? O que ele não faz?
            Ha, eu também acho exagero afirmar que a usabilidade do Linux seja muito superior a do Windows, pois vejo usabilidade como algo subjetivo. O que é fácil para mim pode ser difícil para você e vice-versa.

          • Dudu Wandscheer

            É mal organizado, tive uma experiência muito ruim ao mover, copiar, colar e navegar entre pastas.

          • Jean

            Qual? Entende quando digo que é subjetivo e a afirmação ampla? Se falarmos das interfaces principais temos dois gerenciadores excelentes, o Dolphin ( que é mais completo ) e o Nautilus, que é bem simples.
            E mal organizado é subjetivo. Acho os dois excelente, o Nautilus é bem simples, já o Dolphin tem muita coisa ao alcance do cursor, podendo parecer confuso.

          • Dudu Wandscheer

            Para mim, como um consumidor final, não me agrada! Você, um adepto ao Linux e usa o PC para isso acha ótimo. Eu sou um usuário comum, gosto de praticidade, ter meus arquivos a um clique, acesso a diretórios rapidamente, se isso existe, eu não achei.
            Além de programas que uso e não existem para Linux, o que me mais me faz falta é uma barra de tarefas e do menu Iniciar (O que me fez não adotar o Windows 8/8.1).

          • Jean

            Exato, subjetivo e concordo com você.
            Eu demorei demais para migrar para o Gnome 3, porque também resolveram sumir com as barras da interface. Tipo, mudaram tudo e foda-se haha. Fiquei até uns anos sem usar Linux no desktop( Windows 7 matou a pau ) voltei tem uns 6 meses, achei mais fácil para desenvolver nele. Tenho ainda o Win 7 em outra partição só para jogar World of Warships rs, de resto é tudo aqui.

          • Dudu Wandscheer

            Faço Publicidade e Propaganda, dependo dos Softwares da Adobe: Illustrator, Photoshop, etc e do CorelDraw. Ainda não tem nada que me chame a atenção no Linux, ainda mais que meu Windows é original, não vou jogar meu dinheiro fora.. hehe

          • Mirai Densetsu

            Alguém fala do gimp em 3… 2… 1…

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Qual, o do windows? Relamente ridículo…

        • “Valor do SO do mac é MUITO inferior ao do windows”

          Com venda casada.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Mesmo com venda casada. A dell cobra 120 reais pelo windows que já vem instalado neles (sim já optei por devolver o windows e recebi esse valor de retorno).

        • Victor Serrão

          A usabilidade do Linux é sofrível. Mesmo o Ubuntu é uma boa porcaria. Maldito Unity. E dizer que o valor do Mac é inferior ao do Windows é exatamente igual a dizer que o fluido do radiador da Ferrari sai mais em conta do que o do Uno. E daí, se o computador que roda a bagaça custa 8 mil reais?…

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Ok, próximo linux hater que não manja porra nenhuma pra falar por favor? Tou procurando linux hater que entenda de linux e relmente use linux pra poder ter uma discussão no mínimo decente.

        • Mirai Densetsu

          Só que não.

          O custo do OSX é graças ao hardware ao qual ele é atrelado. Um MacBook simplezinho não sai por menos de 8 mil.

          E a usabilidade no linux continua horrível. Tão horrível que para alguém gostar de linux tem de ser ou muito noob com suporte gratuito ou um expert em linux. Quem está no meio termo odeia ter de enfrentar o version hell em algumas aplicações, ter de editar uma opção escondida em um arquivo .cfg perdido no meio do /etc pra fazer algo que no Windows é resolvido em meia dúzia de cliques. Mesmo digitar sudo apt-get install [nome-do-pacote] pode ser frustrante às vezes.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            No dia que você tiver meio cérebro eu te respondo direito… Principalmente quando eu parar de rir sobre windows se resolve com meia dúzia de cliques…

          • Mirai Densetsu

            Quando eu parar de rir de vice falando sobre a usabilidade do windows ser pior do que do linux, aí eu respondo.

      • Samuel

        O que o Windows tem é uma reserva de mercado histórica por causa de uma arquitetura que ainda existe, mas está definhando a cada ano que passa. Concorrentes do Windows hoje não são nem somente outros sistemas operacionais, mas a até a nuvem compete com ele. A própria MS investe em ecossistema diversos, ao invés de concentrar somente no próprio SO (Office pra Android, OSX, iOS, é só um exemplo). Procura depois sobre a participação do sistema operacional nos lucros da própria Microsoft.

        • Dudu Wandscheer

          E é por isso que ela está se reinventando. Fazer do Windows um serviço é um exemplo.
          Esta mudança ainda está em fase de transição e dessa vez a MS pegou o barco na doca. Se não reparou, ela tem um projeto chamado Centennial, que converte programas Win32 em aplicativos universais. Arquitetura Win32 está ficando obsoleta e eles sabem disso. Acreito que o Windows ainda tem umas décadas de poder pela frente.

          • Samuel

            Nesse caso deixaria de ser o Windows que estamos discutindo aqui hoje, certo? Desejo boa sorte. Mas o problema do Windows foi de projeto. Os conceitos utilizados para construir o sistema se mostraram ruins ao longo do tempo. Ele realmente precisa ser reinventado, mas sem quebrar a compatibilidade da reserva de mercado que tem. Por isso a MS está construindo uma outra camada dentro do próprio sistema operacional. O tempo vai dizer se todo esse investimento vai valer a pena. Não for os aplicativos exclusivos para Windows, quero ver como vai ser. Daqui a pouco, até jogos deverão rodar por streaming. Sistema operacional simplesmente não tem o valor que tinha há 5 anos.

          • Dudu Wandscheer

            Por isso ela não investe só no Windows 😉
            E já começou a ser reinventado. Hoje os devs se adaptam às novas versões do sistema e quando ele estiver preparado, sua velha base vai ser abandonada.

          • Samuel

            Que abandone o uso de registros. Que abandone 2mil chamadas de sistema. Que abandone um sistema de arquivos que use C:, D:. Que implemente um controle de processos hierárquico tb. Que tenham melhor compatibilidade com sistemas posix. Cara, se vc for ver bem, projetaram o Windows pensando em uma coisa, o tempo passou e quem o projetou descobriu que era para ser outra. O que ele tem é herança de mercado. Se o assunto for técnico, leva uma surra de pica na cara.

          • Samuel

            Até a versão teve que pular do 8 pro 10 pq se usasse 9 entrava em conflito com informações que usavam “9” para se referenciar ao 95. Cara….

          • Andrew Bueno Piolli

            Sinceramente pra mim o Linux perde pra ele mesmo. Parece tv aberta a Globo soberana e os outros canais enfiando programa de desgraça para se matar.
            Windows pode ter milhões de defeito, mas é a base do Pc hj, tudo que for diferente vai ser pior para a maioria, não vejo Linux nem chegar a fazer cocega, mais fácil os mobiles matarem o pc do que ele subir.

          • Samuel

            Windows é a base do mercado de desktops e estações de trabalho de escritório mesmo. No mercado editorial e de video temos o Mac e o Linux em boa posição. No mercado de servidores e Mobile temos só sistemas UNIX Like (Linux no Android e um BSD no iOS). Com certeza é mais fácil os mobiles matarem o PC. Até pq é isso que está acontecendo já faz uns 4 anos eu acho

    • Alvaro Carneiro

      Sorte que somos todos livres e podemos usar o sistema que gostamos né? Então é só voce ignorar o Windows e pronto, estao todos felizes.

      • Samuel

        Claro, se seu argumento não for técnico, mas afetivo, não vou discordar. Não quero atrapalhar a felicidade de ninguém

  • Wes Ollie

    Como não tenho bola de cristal talvez seja verdade talvez não hahahhahaha não sei se mais nada

  • Poxa, o sistema é dos melhores, mas falta massa crítica pra compensar pros desenvolvedores fazerem aplicativos pro WP.

    Eu tive que pular fora, Uso muito o Moovit onde moro e a versão WP é um lixo.

    • Juliano Teichmann

      Exato, o maior problema é massa crítica para incentivar a ter apps na lojinha. Idem na lojinha do Windows8 Windows10.

    • Raphael Ribeiro Silva™

      Infelizmente, nem todos tem uma opinião que valha algo. Se a maioria dos que “descem a lenha” no WP, de fato, não sustentam seu uso de apps que realmente importam, blz! Mas, o problema é sempre com relação as essas malditas redes sociais que, reina no uso da massa (maioria sem “encefálica”)!

    • Dudu Wandscheer

      Eu uso o Moovit também, não achei tãaao ruim, mas agora prefiro o Here Transit.

      • Aqui onde moro (Rosário – Argentina) o Here Transit não presta pra transporte público, já o Moovit é muito bom, muito preciso. Pra andar a pé, o Here humilha os concorrentes, o offline é excelente!

        Tu mora aonde?

  • Helivander

    Laguna ótimo post, e isso mostra o quão ruim foi a estratégia da Nokia de colar na Microsoft.

    PS: como você bem diz na sua descrição do autor, ainda que o mundo mobile esteja em evidência. Acredito que alguns leitores das antigas, certamente tem boas lembranças dos seus posts sobre Placas de Vídeo.

    • Agradeço o elogio, escrevo no MeioBit porque gosto de boa parte dos comentaristas por aqui. 😉

  • O Opera dos smartphones foy maldade.
    O Opera aynda dá saudades, já os WyndowsPhones. 😛

    • HAHAHAHAHAHA! 🙂 😀

    • Vaso ruim não quebra 😀

    • Mario Junior ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

      A EXPERIÊNCIA™

    • Geraldo Lopes

      .

      Cara… eu uso o Opera! Estou usando neste momento ao ler esta página e olha que o bichinho não nega fogo. Costumo abrir um bocado de páginas ao mesmo tempo e a medida que leio vou fechando uma por uma até terminar. Acho que sou o único gosta do Opera…

      .

      • Eu já usei muito o Opera na faculdade, mas o Chrome me veio com o perfil sincronizado e tal.

        • Islan Oliveira

          Laguna, entre 2010-2012 eu tive dumbphones Nokia, e navegar neles, com internet EDGE só era possível graças ao Opera. Quando migrei pro Android continuei usando graças ao fato de ele poupar dados melhor do que o Chrome (e é assim até hoje). Porém a partir de 2014 me rendi ao Chrome no mobile, pois apesar de não poupar tantos dados muitos sites tinham problemas com o Opera que não “exibia tem tempo real”. Não sei explicar bem, mas ele não reproduzia GIFs e coisas do tipo. No PC eu por muito tempo usei o Firefox mas sempre ficava dividido com o Chrome, mas desde o Android fazia mais sentido usar o Chrome e passei a usá-lo. Eu até tenho o Opera mas só uso pra acessar o email do curso e pra se eu emprestar o notebook para alguém.

      • Jaffy

        uso no tablet =D

      • Julio Verner

        Também estou usando, mas não tiro print… hauhaua Mesmo número de abas na média… E é meu SEGUNDO navegador. Firefox for the win ever! 😛

    • Christian Oliveira

      ???????

  • Islan Oliveira

    Laguna, como é bom ver um fã de WP que não seja fanboy. Seus comentários são pertinentes, algo que alguns fanboys que eu conheço não conseguem ser.

    WP é um bom sistema? É. Mas ele perdeu o timing e só passou a ter mais chances quando o indiano se tornou CEO, mas tá parecendo que foi tarde demais. Dizem que o futuro a Deus pertence (ou aos deuses, ciência, alquimia, etc), então o WP tanto pode morrer como ser o futuro dominante do mercado, mas para o bem ou para o mal, agora parece mais provável que vá morrer.

    • Ricardo Nunes

      WP já morreu, agora temos o W10M e enquanto existir o W10 o W10M vai existir . Questão é simples, o W10M não necessita mais se expandir rapidamente, o W10 vai fazer esse serviço e vai trazer os apps já q são praticamente o mesmo sistema .

      • luisbrazil

        Não sei não, uso W10M e Windows 10 no pc e foi lançado com muitos bugs, isso mina a confiança no sistema.

        • Dudu Wandscheer

          Bugs que já foram abatidos na primeira grande atualização.

      • A mais pura verdade.

        A estratégia da Microsoft não é mais a qualidade no smartphone, mas sim atochar o Windows do desktop no celular.

    • Eu já acho que o Windows Phone morreu no dia que o indiano assumiu. O Ballmer gostava do sistema e investiu nele, tanto que fez a caca de lançar um Windows com interface de celular para o desktop.

      O que temos para o futuro é apenas o Windows Deformado 10 empurrado na carcaça de um celular. Pior usabilidade, impossível.

      • Lucas Timm

        Nunca tinha visto por esse ponto.
        Tudo faz sentido agora.

    • Acontece que o Windows 10M é parte integral da estratégia da empresa com o Windows. Não consigo ver a Microsoft simplesmente abandonando os dispositivos móveis no futuro. Qual é a grande vantagem de ter Windows 10, Xbox One e Microsoft Band, então? Se eu vou ter um iPhone que não conversa tão bem com isso tudo?

      Gera um gap na estratégia da empresa e ela fica na mão de concorrentes no mercado mais importante daqui pra frente. Alguma carta na manga ela precisa ter.

  • Zaaboo

    Mérd. Ainda vou insistir mais um pouco.

    • Acredite, companheiro: tudo vai dar certo! #sarcasm

    • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

      Estou nesse barco também.

    • Concordo!

      Vou comprar um Lumia novo e não tô nem aí se a empresa morrer >:(

    • Gedson Junior

      Porra, a gente não tem escolha. Android parece uma eterna gambiarra e Apple é muito caro.

      • Victor Serrão

        É exatamente isso. Olho pro meu Lumia 1320 rodando W10, tão lisinho, sistema bem acabado e funcional, e me dá até raiva de pensar em voltar pro Android.

        • Gedson Junior

          Confesso que já pensei em voltar pro android. Mas sei lá, peguei um asco pelo sistema, logo desisto da ideia. Gosto do Windows, acho Android tão sem graça. O q nos resta esperar, logo chega a Cortana e a Redstone. NOS AJUDE MICROSOON.

  • Fernando Bento Chaves Santana

    Se Microsoft abandonar o Windows Phone ela simplesmente jogará a toalha na convergência para o Mobile e restringirá seus produtos ao Office, ao armazenamento em nuvem e a soluções corporativas. Pois o que farão adotarão o Android? Abandonarão o desenvolvimento e venda de hardware?

  • pyh

    só faltou certificação IP67 no meu windows phone

  • Noah Cezario

    Tenho certeza que li algumas coisas aí no Twitter do Tom Warrren. E com Windows 10 de fábrica, tem o 550 também.

    Mas a MS precisa mesmo enxugar a linha, tirar esses trilhões de low end que só confundem qualquer um e quem sabe, deixar a linha Lumia pra trás, adotar uma nova, talvez o surface pode seja a nova linha.

    E sobre o Windows no mobile morrer, acho difícil, existe desde o sempre e existirá.E sobre vendas baixas, só a Apple lucrou todas as outras OEM amargaram, não tá fácil pra ninguém.

    E sobre usar Windows mobile, é pra quem gosta, tem gente que não troca iPhone por Android e vice versa.

    • Peguei a figura do Verge, vou realçar isso colocando o The Verge como fonte também. 😉

  • Deni Carson de Souza

    Estou com um Lumiar 730 a um ano. Para o meu uso ele se mostra suficiente. Porem é inegável a falta e desprezo nos app’s. Como a MS planeja montar ecossistema interligando todos os gadgets, acredito que mesmo com prejuízo ele devam continuar com a linha Lumia, como forma de carro chefe, e aos poucos levando essa integração ao concorrentes. Isso fica subentendido na declaração do Joe Belfiore, num outro texto aqui do MB.

    • flavio

      Com o surface fone… Sei não, talvez o último prego do caixão da linha Lumia venha de dentro de casa

  • flavio

    É uma pena… Por mais que eu goste do Android gosto mais de concorrência, um mercado onde tem três grandes mas um tem 90% e o outro coloca as restrições e precos na minha visão absurdos que põe realmente não me agrada… Nunca tive um windows fone mas tava mesmo torcendo por ele…

  • Rose Ferreira

    Sei não eu lembro do Netscape até hoje de uma hora pra outra tava todo mundo usando a bosta do internet Explorer kkkk.

    • tuneman

      isso é karma por tere matado o Netscape

    • E por que ele vinha atochado no windows, e usuario tinha preguiça de instalar o netscape mesmo ele sendo bem melhor. No caso do windows phone so se ele vier dentro de caixa de cereal pra essa estrategia funcionar agora.

  • Se morrer, já vai tarde e não fez falta.

  • Raphael Ribeiro Silva™

    “…um bocado de modelos a escolher, mas com poucas diferenças técnicas entre eles…”

    Esse foi um dos principais pontos, no qual levaram o WP a “precariedade de vendas”! Sempre tive em mente que, para reverter esse quadro, a Microsoft deveria lançar apenas 3 aparelhos NO MÁXIMO!
    Com isso, aumentariam nossas chances de ter aparelhos de qualidade, um suporte mais eficiente, rápido e mais centrado (+- o iPhone, tirando o preço e variedade de apps).

    A julgar a grandeza da Microsoft, duvido que ele irá “acabar” sem mais nem menos.

    A Microsoft fez uma “pouso em aguas desconhecidas” (WP7), avistou um “resgate” (WP8) e torce pra voltar tranquilo em um “iate” (W10m)!

    _______ uso, admiro e indico!

    • zé garruchada

      Tenho um Lumia 530 baratex. Quem fuça nele, acha o display bagunçado. Coisa que o usuário se acostuma em menos de 5 minutos. Penso que esse é o principal motivo das vendas fracas e rejeição. Mas a preguiça não deixa…

      • Raphael Ribeiro Silva™

        Exatamente, pre-gui-ça!
        “Sistema operacional pra crianças” (ou um simples paquiderme)!

        Minha mãe (quando dei um L535): “A….é difícil mexer nisso.”

        Aí eu coloco 3 tiles em tamanho BIG (whats, telefone e câmera).

        Minha mãe (2min depois): “Nossa…que fácil mexer né?!”

        😒

        • Dudu Wandscheer

          A minha foi assim. Ela tá no seu terceiro Lumia.

      • O problema é que não adianta reclamar da preguiça do usuário, precisa se adaptar a ela se quiser retirar o dinheiro dele.

        • zé garruchada

          Tudo bem, mas não saber operar um windows phone é muita lezeira.

      • Leonan

        Também acho já vi varias pessoas dizendo que é difícil o WP.

    • Também acho que todos os fabricantes deviam ter 3 ou 4 celulares no máximo, de forma a dar conta de atualizar os celulares, para versão mais nova pelo menos duas vezes e atualização de segurança ao menos uns 3 anos.

      • Raphael Ribeiro Silva™

        Claro. Um low, um mid e um high. Se desde o início a Microsoft tivesse pensado assim (ao invés de copiar a Samsung, achando que o “sucesso” dela era devido ao seu “almanaque Mobile”), talvez poderíamos estar mais felizes e ela “comendo um téco maior desse bolo”.

      • Jaffy

        fale isso aos fabricantes de carro. é mais modelo que gente…

    • jairo

      A MS matou e enterrou os WM6.0 e 6.5 assim como o WP7.x , matar o W10M é facil

    • Tbrz

      tb uso-admiro-indico, e fico decepcionado por um sistema tão bom ter uma participação tão pífia.

      A Microsoft tb fez bastante coisa errada (acordou tardissimo para o mercado mobile, matou coisas boas que o WP 7 tinha (Hubs, Zune, etc) e fez da transição para o 8, um desastre, e pra piorar ultimamente tem dado mais atenção às plataformas concorrentes que a propria.

      Ficou a ótima interface (na minha opinião a melhor UI em flat design do mercado), mas sem apps bons, não se sustenta – uma pena.

  • Tenho um 640XL e não me arrependo nem um pouco. Tem seu problemas e limitações, mas no geral estou bem satisfeito.
    Também acho que a linha Lumia não vai durar muito, só que eu fico em um beco sem saída. Paguei 700 em um WP que não trava, é fluido, tem uma câmera ótima e me atende. Minhas opções são um smarth que irei pagar no mínimo R$ 1.500 para ter uma coisa perto do decente e no mínimo R$ 3000 para ter uma coisa que o de R$ 1.500 é capaz de executar, a única diferença é uma maça mordida desenhada na traseira.

    • Rodrigo Justi

      Concordo totalmente. Fiz o mesmo, mas com um low-end. Estava disposto a pagar no máximo R$ 400, e o Windows Phone é, de longe, a melhor opção; qualquer Android nessa faixa seria de péssimo uso (ou ele teria pouca memória, ou pouco armazenamento, ou uma tela pequena, ou um processador horrível, ou simplesmente… iria travar). Optei por um 630. Sinto muita falta de alguns aplicativos (Waze principalmente, e de ver que tem muitos aplicativos “capados”), mas no geral ele é muito fluído, rápido, sem frescuras, bonito e funcional, me atende bem. Nenhum Android nessa faixa de preço iria me atender tão bem.

    • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

      Fyz essa conta quando troquey de telefone. Meu 640 faz tudo que meu antigo Z1 fazya, e embora faltem alguns apps, estou bastante satysfetio.
      Resta fycar na torcyda pra ver se o W10M reverte essa maré.

      • mtblr

        antigo e satysfetio

    • Tenho um 640Xl a 3 meses. Custou 542,00. Por este preço o que eu poderia comprar com android? Iphone, talvez um 4s? No final de ano vendi meu Iphone 5 e to vendendo meu android s3neo. Estou bem satisfeito com o 640XL.

  • HomeroGamer-BanidodoMB

    Convergência… tou pra ver Samsung e Apple fazerem isso.

    Por sinal BQ deve lançar o tablet com Ubuntu já com a convergência ainda esse ano.

  • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

    Acho a preocupação vályda. Meu Androyd que já foy um Flagshyp deu PT (Perda Total, não o outro PT) e por motyvos de cryse comprei um mais barato: o L640.
    Achey a experyência geral mays bem acabada que no Androyd quando tyrey o outro Smart da cayxa, mas realmente precysamos de um esforço mayor da Mycrosoft pra deslanchar a plataforma.

    • mtblr

      Você esqueceu de trocar o ‘i’ do ‘foi’ para ‘y’.

      • Thiago

        do “comprei” e do “mais” também

      • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

        Tô muyto dystraýdo hoje.

  • Cocainum

    Mesmo com a promessa de que a maioria dos aparelhos antigos possa ser atualizada para a versão 10 do Windows Phone, o fato de existir uma nova versão “no forno” acaba fazendo com que os consumidores esperem para ver, e acabem não comprando a versão “velha” que está no mercado. Esse fenômeno é bem conhecido.

    A versão 10 vem com a promessa de minimizar a questão da falta de apps graças aos aplicativos universais e a facilidade de conversão de aplicações do iOS (a do Android, morreu).

    E aí, o que a MS faz? Atrasa o sistema. Queriam que as vendas de aparelhos com o sistema “velho” aumentassem enquanto isso? Com uma “mãe” dessas, o Windows Phone deve pensar que é adotado…

    • O problema é que esse forno tá em fogo baixíssimo…

    • Gedson Junior

      Bem isso, sistema atrasado com falta de novos dispositivos. O WM só está nesta situação pq a MS quer.

  • Mike

    Gosto muito do android, mas se essa solução de Surface Phone+win10full der certo, eu me interesso bastante. Imagina só poder ter tudo do desktop e ambos “conversando” entre si.

  • tuneman

    não creio que o Surface Phone vá melhorar essa situação… e Continuum é interessante, mas é uma solução que muito pouca gente “precisa”.

    • Thiago

      além de depender de hardware adicional

    • Anakin

      também estou tentando entender o que fará tanta gente comprar por causa desse Continuum, não vejo nenhum motivo, quem precisa de trabalho pesado não vai comprar, quem só faz uma coisinha aqui e ali, usa o smart, quero saber qual o público alvo ainda do Continuum.

      • Dudu Wandscheer

        Continuum é para produtividade, seu público alvo, são empresários e pessoas de negócios, por enquanto.
        Quando realmente se tornar um miniPC, poderemos ver um uso mais abrangente. Para quem usa PC só para redes sociais e acessar a internet, ele tem um potencial de substituir um PC, mas isso quando ele realmente rodar um Windows completo.

        • Anakin

          não seria o caso das pessoas de negócios comparem o surface logo? vai existir pessoas que comprarão com certeza, mas não vejo como uma revolução, é tipo um quebra galho.

          • Islan Oliveira

            Acho que comprar uma Lumia e usar o Continuum seja mais barato que o Surface. Se a experiência for de qualidade comparada ao Surface são outros 500.

    • Lucas Timm

      Continuum é uma solução em busca de problema. O Motorola Atrix mostrou isso há muito tempo atrás, a Microsoft ignorou e tomou no cuum.

  • Mas o Windows Phone já morreu, Laguna.

    Tudo o que sobrou foi um zumbi torto de desktop, espremido numa tela pequena chamado Windows 10 Mobile.

  • Dudu Wandscheer

    Uma coisa é verdade: Lumia não tem uma boa fama.
    Até o fim do acordo da Nokia e Microsoft, a dita cuja, tinha que segurar a marca Lumia. Desde que houve a transição Nokia -> Microsoft, a regularidade de lançamentos caiu, isso pode significar que a Microsoft está deixando de lado o setor móvel, já que os Surfaces estão indo muito bem e a idéia de híbrido está pegando, ou ela está organizando a casa e projetando novos aparelhos e uma nova linha.

    Sabemos que a estratégia da Microsoft é One Product, One Family, se o Windows será um, por que não a nova linha de hardwares também não pode ser um? Surface!
    Mas, muitas coisas ainda nos fazem duvidar disso, mas eu ainda acredito nesta possibilidade, visto que as OEMs não estão se importando com o sistema. Lembra quando Satya disse: “Se as OEMs não fizerem aparelhos, nós iremos fazer”.
    Acho um pouco cedo para dizer se é realmente a morte do Windows Mobile (Quem está morrendo é o Windows Phone), pois, a estratégia de One Core do Windows ainda não foi colocada em prática, o Windows ainda não é um só, ele ainda está se tornando um só.

    Aos usuários insatisfeitos, é simples, mudem! Busquem aquilo que vos supre, por que o Windows Mobile não vai causar nenhum BUM de apps ou vendas, o sistema vai ter um crescimento tímido, cheio de autos e baixos enquanto a plataforma não for unificada de fato e os Apps Universais não colarem.

    O queridinho da Microsoft (E o causador de sua ascensão) é o Windows e é ele quem vai segurar o Windows 10 Mobile. Por enquanto, temos uma extensão do PC, nada mais. Windows 10 Mobile HOJE, não é um sistema para derrubar o iOS ou Android.

    • mas bicho, boa parte da má fama é segmentada em argumentos que por muitas vezes furam! tipo:

      “Ah! a loja tem poucos Apps!”

      É bom ter uma loja repleta de porcarias que não vai usar? Não quero dizer que na loja do Windows não tem porcaria mas os aplicativos que preciso estão lá.

      Mas como disse: Gosto da plataforma mas não quero parecer fanboy, ainda faltam alguns, principalmente os da modinha teen como o Snapchat…

      • Dudu Wandscheer

        Este é um aspecto que mata o Windows. Apps de “BUM”, sucesso imediato, chegam quando o fogo tá apagando (Exemplo, Vine).

        Eu gosto do Windows, vou continuar nele por que ele me supre, mas a realidade é essa que vemos hoje! As pessoas querem ver uma loja repleta de apps, poder pesquisar e achar qualquer coisa, como é no Desktop.

        Enfim, vamos ver como vai ser no futuro…

      • Anakin

        “É bom ter uma loja repleta de porcarias que não vai usar?”
        Cara, só porque você não usa, que as pessoas também não usam, e outra, é muito seguro saber que a merda que você imaginar está na loja do seu SO. Meu primo que tem uma Lumia vive se zuando na hora de alguém pergunta se ele conhece tal app, ele diz: Deixa eu ver se o Windows foi sorteado… e geralmente não tem, é chato te apresentarem algo e você não poder ter a liberdade de testar, eu me sentia assim quando muitos dos apps eram só pra iOS, essa lista está bem menor agora, pelo menos nunca mais tive esse problema.

    • Anakin

      “Aos usuários insatisfeitos, é simples, mudem!” Parece que é o que está acontecendo, ou não?

  • Eu uso e gosto demais de Windows Phone e não quero parecer fanboy: Por favor, parem de falar do Instagram Beta que nunca atualiza e olhem para o 6tag, um cliente do instagram que por muitas vezes parece melhor que o próprio cliente oficial para android. Um dos recursos diferenciais é permitir você gerenciar várias contas no aplicativo.

    Eu acredito que são comentários como estes que ajudam a selar uma má fama que o sistema não precisaria ter…

    • Dudu Wandscheer

      Haters gonna hate…

    • Também sou usuário e as vezes fico chateado com isso, mas se você for analisar friamente o que o usuário comum quer no fim das contas é digitar “instagram” na loja e instalar o app chamado Instagram. Ele nem vai saber o que é 6tag, então tem um fundo de lógica em avaliar a experiência do app oficial ao invés do app de terceiro.

      • Jaffy

        por isso que desgosto do usuario comum. é acomodado e tem preguiça mental de pesquisar qualquer merda. mas ficar 4h por dia no whatsapp é ok.

        • As pessoas são assim e não parecem estar dispostas a mudar tão cedo. Então relaxa e se acostuma, é a forma que o mundo gira.

    • Eu tenho Windows Phone, gosto do sistema. Mas o problema, como neste caso do instagram, é ficarmos esperando pelo Rudy desenvolver alguma versão “6” de algum app, enquanto as empresas grandes estão simplesmente cagando para o sistema. Enquanto o sistema ficar dependendo do Rudy, a coisa não vai andar.

      Conheço dois desenvolvedores de Apps, que tinham Windows Phone e agora simplesmente abandonaram o sistema. Quando perguntei para eles, a resposta foi “se nem a Microsoft desenvolve pro próprio sistema, pra que vou perder meu tempo?”

      Enfim, continuo gostando do meu Windows Phone, quero esperar até metade do ano par ver como as coisas estarão para comprar um celular novo. Se melhorar, compro um novo Lumia. Mas se continuar igual pego um Nexus ou algo da Xiaomi.

      • Gedson Junior

        Me desculpe mas esses seus dois amigos desenvolvedores são muito burros.

        • Fala isso para a Tecent, uma das maiores desenvolvedoras da Ásia, que anunciou recentemente que não desenvolverá mais para Windows Phone e W10M, alegando que não tem tempo para perder investindo num sistema que não gera lucro para eles.

          • Gedson Junior

            A crítica nao foi essa, foi ao motivo de não desenvolverem.

          • Faça uma pesquisa rápida no Google e você encontrará vários desenvolvedores e empresas falando a mesma coisa; que estão abandonando o sistema pelo descaso da Microsoft.

            Inclua nesta lista os próprios desenvolvedores da Tencent que mencionei anteriormente, que falaram que é frustrante desenvolver para um sistema cujo a própria desenvolvedora não faz o mínimo para manter o numero de usuários da plataforma.

            Se meus amigos são burros, então todos os outros devs devem ser também. Até mesmo o @Paçaro, que sempre foi um defensor da plataforma, pulou fora do barco recentemente.

          • Gedson Junior

            Também concordo que a MS deveria fazer mais pelo Mobile, e que é entendível a falta de interesse em desenvolver para a plataforma. O problema é a falta de usuários não o caso de “nem a Microsoft desenvolve pro próprio sistema”. Pra mim esse argumento é muito falho.

    • JORGE_TC

      Nem sempre um app parecido vauiresolver. Às vezes (no meu caso, diria geralmente) tem que ser aquele app… Que não existe no WP.

      O último que me lembro é o Periscope, que seria usado pra assistir aulas ao vivo. Não tem.

      Em termos de experiência, menciono o Uber que, por não usar o mapa do Google (ou mesmo o da Apple), não localiza a maioria dos endereços ou locais. Me dá como sugestão endereços dos Estados Unidos.

      Tudo por lá é mais difícil. Será citado como um exemplo de boa tecnologia que não emplacou, ao lado do BETAMAX.

    • Mirai Densetsu

      A má fama é por causa da transição entre o WP7 E WP8. Isso matou a confiança de muita gente.

      Eu mesmo comprei um Lumia 710 e estou no segundo Android depois dele. E o arrependimento aqui é zero. Tanto que windows phone nunca entra nas minhas opções de compra e eu jamais recomendo. Muito pelo contrário.

  • Sinceramente, acho o Windows Phone tecnicamente muito bom, leve, otimizado. Mas parece que o povo não teve a ideia de testar com os usuarios, todo mundo que conheço que comprou odeia e volta logo pro android ou pro iphone, a interface não é tão intuitiva, os aplicativos quando tem os recursos parecem estar muito escondidos. Matar a marca nokia que era sinônimo de confiança também não ajuda e ainda ser o retardatário na corrida pelos usuários faz a microsoft sentir aquele gostinho que o Linux sempre sentiu no desktop.

    • Jean

      Não acredito que a interface não seja intuitiva, só é “diferente”. Para o povo que está acostumado com Android que lembra muito vagamente, bem longe, o IOS, ( rs ) já sente a diferença. Se a pessoa gosta de tecnologia se adapta ( não significa que possa gostar ), se a pessoa é a tia do sobrinho já não gosta e não quer usar, prefere os “desenhinhos” do android aos “quadrados” do WP ( eu já ouvi isso ) ou reclama que o zap do WP que é feio ( tb ouvi isso ).

      No final, não consigo deixar de fazer a comparação “Windows no mobile = Linux no Desktop”.

      • ” Se a pessoa gosta de tecnologia se adapta” ai que esta, somos minoria no mundo, a maioria quer que tudo esteja na cara, de forma mais fácil possível e a interface ser mais agradável aos olhos do publico alvo acaba contando. Concordo totalmente com sua comparação, pra mim o maior problema do Windows Phone e do Linux no desktop é o mesmo, os desenvolvedores não estão preocupados em fazer suas aplicações pra eles, e quando fazem , não fazem com os mesmos recursos, ou não preocupam em ter um instalador bacana.

        • MacTantan

          “… os desenvolvedores não estão preocupados em fazer suas aplicações pra eles, e quando fazem , não fazem com os mesmos recursos, ou não preocupam em ter um instalador bacana.”

          Pense, Sr. Ap. Dê-me uma explicação racional (lógica, embasada) para esta situação. Digo mais: sua análise poderá salvar a divisão móvel da Microsoft.

    • Aki Chaaan

      Concordo em boa parte. Também acho o sistema leve e otimizado, porém a concorrência também é. Mesmo o Android, que era sofrível em aparelhos de entrada, fez a lição de casa e veio otimizando o sistema a cada nova versão. Enquanto isso, o Windows não fez a parte dele na questão da usabilidade, que também não acho muito intuitiva.

      Sei que pro usuário comum, qualquer coisa diferente significa dificuldade, mas também não acho o Windows melhor porque ele é diferente. Começando pelo start screen, acho ele desnecessariamente mais complexo de organizar que uma tela com ícones.

      A Microsoft tinha a opção de ser mais conservadora também. O Android/iOS usam o conceito batido de ícones na tela, mas foram investindo na melhoria da usabilidade, nos pequenos detalhes. É só comparar o controle para definir o horário do alarme nesses sistemas. Se bobear, o do Windows perde até pro Symbiam nesse exemplo.

      Enfim, é uma pena, mas a situação está bem difícil pra Microsoft.

    • Tbrz

      Acho a interface um dos melhores pontos do Windows Phone: um dashBoard totalmente personalizado que foge da gradinha de ícones do outros sistemas – isso aliado a um sistema leve e rápido.

      O grande problema é gerenciamento ruim: o Nadella+ Belfiore são um desastre ( Mobile First, Cloud First…….kkkkk)

  • Lucas Timm

    Último trimestre de 2015 = Q4FY16. Q2 = maio, junho e julho. 😉

    • Nope: o segundo trimestre fiscal de 2016 da Microsoft foi no último trimestre normal de 2015.

  • Mirai Densetsu

    Eu até tentaria de novo um WP, mas… Meh. Ainda guardo rancor da Microsoft por causa do windows phone 7.

  • Apenas um comentário sobre o título Laguna, ao contrário do Windows Phone o Opera foi bom, muito bom, sempre foi. Tem coisa nativa nele que até hoje sinto falta.
    A piada é engraçada, só que não é legal reforçar uma cresça preconceituosa e prejudicial só porque é engraçado.
    Falar nisso, experimentem o Vivaldi.

    Voltando ao assunto, isso é culpa da Microsoft.
    Os aparelhos são bons, o SO que é ruim. Ele é bom e é ruim ao mesmo tempo. As atualizações andavam de lado em vários aspectos, com a versão 10 muita coisa regrediu. De que adianta melhorar algumas partes e piorar todas as outras? E esse lançamento em fase beta cheio de bugs…
    Parece que a Microsoft quer acabar com a plataforma.

    • Dudu Wandscheer

      Dê exemplos de regressão.

      • Tbrz

        Fácil: Interface piorada funcional e esteticamente (eles conseguiram PIORAR o Metro), ausência de um cliente para transferir mídia do desktop (saudades do Zune).
        A esqueci: MENU HAMBURGUER ! Trouxeram essa tosquice dos outros OS ao inves de manter a elegancia dos tres pontinho da barra inferior direita.

        emfim: mudou e piorou.

    • Anakin

      eu acho os aparelhos bonitos, compraria se viesse android (puro, porque sou usuário de nexus, e só saio se for pra outro nexus) 😀

    • Jaffy

      shift+click = fecha aba

  • George Matos

    ” Eu compraria algo assim, se a cotação do dólar colaborasse.” e eu não corresse o risco de ser assaltado em cada esquina do país.

  • Aki Chaaan

    Tenho um Android como smartphone principal e um Lumia 535 como secundário. Uso o Windows 10 Preview desde o começo, e minhas opiniões podem estar sendo influenciados por ele ainda ser um preview num celular barato.

    Como SO, o Windows tá suficientemente bom, acho que o que se espera de um SO atualmente está coberto. Por isso, também sou da opinião que o principal problema é a oferta de apps. Quantidade até tem, mas muita coisa de qualidade duvidosa e mesmo entre os apps mais conhecidos, a qualidade é inferior comparando com Android/iOS. Já foram alguns casos de apps que fecham sem terminar de iniciar. O último caso foi do TuneIn Radio.

    Mas como eu disse, o Windows tá suficiente. Não vejo algo em que ele seja particularmente melhor que os outros. Minhas críticas já começam no start screen. É bonito, funcional, mas chato de se organizar. Gosto dos atalhos na barra de notificações, mas mostrar cada item de notificação individualmente não é legal. Aliás, a pessoa precisa gostar de fazer scroll, seja nas notificações, listas de apps (sei que tem o search bar) e até para escolher os minutos do alarme.

    São detalhes, mas provavelmente por causa das transições bruscas no sistema, a Microsoft não conseguiu, até agora, dar atenção aos detalhes, como o Google e a Apple conseguiram. Aliás, pela mesma causa também, falta padrão nas interfaces. Os apps da Microsoft estão usando uma interface com layout mais conservador agora, com o menu hamburguer. Mas boa parte dos apps de terceiro ainda usa o padrão antigo, baseado no Zune.

    Bom, são todos detalhes que devem melhorar com o tempo. Torço pra que isso aconteça e a participação do Windows aumente. Mas sem vender, fica difícil…

    • Dudu Wandscheer

      As questões de detalhes, creio eu, que por agora, a Microsoft não tem tempo para dar atenção, diferente do iOS e Android que já são consolidados..

      • Aki Chaaan

        Pois é. E também essa é uma observação pessoal. Não é isso que vai fazer o Windows virar o jogo.

        Superioridade técnica não conta muito pro usuário comum e, infelizmente, acho que a Microsoft não conta nem com isso atualmente. Com os bons lançamentos de aparelhos Android intermediários dos últimos tempos, tá bem difícil pro WIndows competir nesse segmento. Aí, fica o segmento de entrada que também não resolve o problema.

    • Anakin

      Essa parada de layout incomoda mesmo, a maior melhoria no android dos últimos anos foi o material design, e graças a Deus está sendo muito bem adotado, mesmo que alguns não estejam 100% na guidelines, no geral está bom.

      • Aki Chaaan

        Concordo. Essa padronização ajuda muito. E a falta de padronização, com o tempo, vai passando a impressão de que é algo meia boca.

    • Tbrz

      Pior que foi um retrocesso: essas alterações da UI, algumas copiadas dos OS concorrentes, estão acabando com o que o WP tinha de melhor: concisão, elegancia e estética.

      • Aki Chaaan

        Bom, li uns artigos falando sobre as justificativas da Microsoft pra mudança e achei razoáveis.

        Bom, acho que os dois estilos tem prós e contras. Eu gostava do visual do estilo anterior, mas sempre achei que poderia gerar muito scroll lateral pra se saber todas as páginas do app. Também acho que os títulos das páginas são meio grandes, desperdiçando espaço de tela um pouco.

        Só acho complicado fazer umas mudanças assim num sistema que já não tem colaboração dos desenvolvedores porque essa inconsistência tende a ficar por um bom tempo.

  • Esperando um smartphone na categoria do Lumia 830 ser lançado :/

  • Vin Diesel

    Em uma época eu curtia o iPhone, Depois tive vários aparelhos com Windows Phone e curti muito. Hoje estou com Android. E posso alternar a qualquer momento pois cada um tem algo legal.

    Não entendo fanatismo. Mas uma coisa é certa. A realidade de preço faz com que: ricos tenham iPhones, classe média tenha Android e os pobres no Windows Phone, se a gente fosse classificar pelos preços, mas acredito que hoje em dia a realidade seja bem diferente.

  • jairo

    Perdeu o logo da Nokia e desabou no market share , um bom OS para criancas até 7 anos e idosos acima de 65.

    • Vin Diesel

      Problema que a microsoft foi muito lenta. Demorou demais no 7, depois não deixou os aparelhos atualizarem pro 8, ai foi todo um trampo novamente e nada de atualizações para depois prometer um 10 sem muitas novidades. Enquanto isso o android saiu do 2 para o 4, 5, já está indo pro 6. o iOS, 2,3,4,5,6,7 e a mudança de visual, 8, 9 e daqui a pouco já tem iOS X e nada da MS se mexer. Mas o ideal era a microsoft soltar uns milhoes de aparelhos na faixa aos moldes do Windows para pegar esse mercado. Programador só vai se interessar quando ver que neguinho vai até um ponto de troca e da o telefone dele não importando o estado e recendo um novo deles. Dinheiro eles tem para isso.

      • jairo

        Caso a MS adote tal iniciativa(pouco provável)seria para mercados como States , Canadá , europa ocidental , para o 3o mundo está todo mundo se lixando.

  • Vin Diesel

    E convenhamos, 90% ou mais precisa do Browser, mapas, facebook, whatsap, ver video, ouvir música e isso todos fazem. O resto é besteira.

  • Othermind

    Palavra de consolo para a MS.. Too late…

    A empresa demorou muuuuuuuuito para entrar nesse mercado….

  • Adalio Siqueira

    Eu tenho W10m e gosto dele (lumia1020). O principal problema é a Microsoft não liberar logo para todos. Se eu não fosse Insider e tivesse que usar o 8, já teria abandonado.

  • xVicius

    Tenho um lumia 820 (mais de 3 anos de uso e até hoje funciona redondo, chupa android) e o Opera é meu navegador padrão.
    Meu deus, sou um hipster!

  • Nathanael Meireles

    Windows phone não tem vez no mercado e já morreu e ta tentando ressuscitar mas vai morrer de novo kkkk.. Eu ainda uso windows no pc, por pouco tempo, até encontrar a distro linux adequada. Windows só não morre no PC devido a alienação das grandes empresas e a consolidação que a Microsoft fez lá atrás… Até a própria Microsoft já reconheceu o poder do linux

  • Danilo Dela Fonte

    Eu adoro o sistema, mas não sei por que a Microsoft não consegue dar cadência. Eu já fui e saí do Windows Phone 3 vezes e digo, é muito frustrante. São coisas simples que podem ser melhoradas e nunca melhoram.

    Tudo bem que o Google boicotando o tempo todo dá uma canseira, mas a impressão é que a M$ não zela pelo Windows Phone.

    E a situação piorou muito porque antes, o Windows Phone era o único smartphone de entrada que prestava, mas com o melhoria do hardware dos smartphones de entrada, essa vantagem está sumindo.

  • Mario Junior ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

    Fui usuário de um Lumia 720 e 925 durante 3~4 meses aproximadamente, em meados do começo de 2014. Naquele tempo todos rodavam o Windows 8 (nem lembro qual build era.)

    Não precisei de mais tempo do que isso pra vender os dois e voltar para o Android. As únicas coisas que curti no WP, foram a integração do framework da câmera com o hardware e a leveza do sistema. Se bem que aquele “carregando” é um saco!

    Outra coisa, é a parte de áudio + hardware que são excelentes. Bem, fora isso, não vi mais nada de positivo no WP.

    • Jaffy

      Preço por unidade de hardware. Um Lumia de 300 é mais potente que qualquer Android de 300$. se bem que os motorola e os xing ling que estao aparecendo entraram na briga.

  • Raymon Pizziolo

    kkkkkk Fico tão triste pelos usuários e fans do windows-phone, hehe,(Só que Nãooooooooooo)
    Sem Nokia, Sem Vendas e em breve Sem Vida ^^, Tudo na vida vai e volta em dobro, Como todos os fans do Ex-Symbian e da Nokia como eu,devem estar felizes com essa noticia ^^^^^^^^^^^hehe
    Sorrimos Quando :
    1 : Stephen Elop( Cavalo de Tróia ), é demitido da Microsoft……^^ hehe
    2: Microsoft Lumia( Queda de vendas vista )substitui a marca Nokia globalmente
    3 : Pulando fora(Outra prova de que o SO está para morrer é a debandada dos desenvolvedores de aplicativos)
    E Agora : Windows Phone, da Microsoft, pode acabar! (Vendas não existem)

    • Mirai Densetsu

      Só falta uma coisa: o ressurgimento da Nokia, com Android. E posteriormente, um Nokia Nexus.

  • Eu me lembro de macfag falando a mesma coisa do Android.

  • Russo

    Meu Lumia 930 morreu e de teimosia comprei o 830, por mais que eu fique frustrado com a maldita falta de apps ou má qualidade dos existentes me acostumei de tal forma com o sistema que quando eu pego um tablet ou o celular com Android da patroa fico totalmente perdido. Espero que esse indiano passe a dar a mesma atenção ao W10M como dá aos Surfaces ou ao Office, não quero voltar para o Android tão cedo…

  • Victor Serrão

    O W10M é um sistema superior ao Android e ao iOS. É uma pena que a Microsoft não consiga fazer engrenar um ecossistema de conteúdo e apps que faça frente ao da Apple e ao do Google.

  • Christian Oliveira

    Gosto da plataforma, só que a MS parece não dar bola alguma para o desenvolvimento de apps, mas ainda na torcida, parecia que a qualquer momento MS iria adiquiir algumas desenvolvedoras de apps matadores e firmar parcerias, mas o que vimos foi uma abordagem timida e até um certo abandono dos desenvolvedores indie.

    Desse jeito fica dificil.

    • Tem um ou outro desenvolvedor fã de WP que faz versões WP de apps de outros sistemas, mas fica complicado depender de poucos heróis assim.

  • Julio Verner

    Eu, fã de Linux e Android(no começo que fuçava bastante)… Pensei inúmeras vezes em migrar para Windows Phone… Nunca se provou a que veio. Desisti em tempo.

  • Ismael Pini Gonzales

    O Windows Phone (ou Mobile) tá tipo aquele time na terceira ou quarta posição do Brasileirão…
    Pode até ser o campeão, mas precisa “fazer o dever de casa” e ainda torcer pelo tropeço dos outros competidores!

  • Daniel Parente

    Realmente! Parabéns pelo artigo! Eu uso o Windows fone e resolve a maioria das minhas necessidade mais também com aplicativos de terceiros como 6tang(instagram) e funciona muito bem. Verdade seja dita que sinto falta de alguns aplicativos . Agora estou usando o sistema a cerca de 10 meses e sem travamentos. Sei que Windowsfone esta perdendo mercado e tudo mais . So que um mundo col poucos concorrentes é péssimo para todos. A Yahoo virou o jogo nos estados unidos e esta na frente da Google depois de 6 anos e a um tempo a tras ninguém imaginava a empresa da maça esta na frente da Microsoft. O mundo da muita voltas…há tem uma coisa que achei interessante e ninguém fala sobre o windowsfone, ele consegue mostrar o número do chip que ladrão esta usando e não lembro de ver isso el outro sistema nativamente. Se estiver errado me corrijam …

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis