Nikon D7200 — melhoria na velocidade de processamento

Nikon_D7200

A Nikon está jogando segundo a premissa de que em time que está ganhando não se mexe e coloca no mercado sua nova reflex intermediária, a D7200. A câmera é a nova representante de uma linha que se mostrou de grande poder desde que foi lançada. Apostando no fotógrafo que quer um equipamento com boa qualidade de imagem, porém necessita de algo resistente que possa, inclusive, ser utilizado no meio profissional, a Nikon apostou na D7000 que foi uma evolução nada natural da pequena D90 (outro campeão de vendas da empresa). Desde esse primeiro lançamento podemos apenas falar coisas boas sobre as câmeras e quem comprou não se arrependeu.

A Nikon D7200 chega com apenas algumas mudanças internas que vão tornar o ato de fotografar um pouco mais rápido. O processador EXPEED 4 garante, segundo a empresa, uma melhora de 30% no processamento da câmera. Melhor processamento se reflete em fotos com menos ruído. A câmera oferece uma velocidade ISO que varia de 100 a 25.600. O que também melhorou nesse modelo foi a ampliação do espaço de armazenamento do buffer interno. A câmera agora pode fazer 6 fotos por segundo no modo contínuo até um total de 18 fotos em RAW 14 bits, 27 em RAW de 12 bits ou 100 fotos em JPEG. Também temos presente na câmera um novo módulo de foco automático com 51 pontos que deve melhorar consideravelmente a velocidade do foco, inclusive em situações de pouca luz. Fechando o pacote de novidades a Nikon decidiu eliminar o filtro low pass do modelo, o que deve garantir melhor nitidez da imagem, mas deve gerar em algumas situações o efeito moiré nas fotos.

O sensor, que alguns especulam ser o mesmo sensor Sony encontrado na Nikon D5300, é um CMOS APS-C com 24,2 megapixels de resolução máxima, que é quase a mesma resolução da câmera antecessora,  Foram adicionados alguns efeitos de edição que podem ser aplicados diretamente na câmera durante o modo live view. A câmera continua gravando vídeos em Full HD (sorry movie makers) com 30, 25 ou 24 frames por segundo. Cabe um pequeno destaque para a conexão Wi-Fi e NFC. A câmera deve chegar ao mercado no começo de abril de 2015 custando US$ 1.200,00 (somente o corpo) ou US$ 1.700,00 com a Nikkor 18-140mm f/3,5-5,6G ED VR.

Minha opinião é que vai vender como água. Essa é a câmera que a maioria dos profissionais em começo de carreira está escolhendo por conta da durabilidade e ótima qualidade de imagem, sem falar que ela pode utilizar todas as lentes produzidas pela Nikon. Ou seja, um dos melhores custo/benefício do mercado fotográfico da atualidade.

Fonte: Dpreview e Petapixel.

Relacionados: , , , ,

Autor: Gilson Lorenti

Geógrafo de formação e fotógrafo de coração, comecei a fotografar com 18 anos de idade (antes disso nunca tinha pegado uma câmera na mão). Depois de muito estudo veio a carreira profissional que passou por várias modalidades da fotografia até realmente descobrir o que gosto de fazer. Hoje me dedico ao ensino de fotografia, fotografia Fine Art e Books Fotográficos (gestante, moda, sensual). Tomando emprestado as famosas palavras de Ansel Adams "Quando as fotografias não forem mais suficientes, me contentarei com o silêncio".

Compartilhar
  • João Ribeiro

    off: to na oportunidade de pegar uma d5200 seminova, vale a pena? eu tinha uma t1i e fui roubado, essa d5200 me pareceu um com CxB.

    • Mauro Moraes

      João, você conseguiu ela a que preço, e qual estado geral, quantidade de clicks? Porque dependendo da sua resposta, às vezes dá pra conseguir um negócio melhor! Eu vejo muita coisa com preço excelente em diversos grupos de compra e venda de equipamentos de fotografia no Facebook!

      • João Ribeiro

        ela está por 1400, vem com grip 2 baterias e a lente do kit, ta com 7200 clicks, poderia me passar esses grupos?

        • Mauro Moraes

          Vou te falar que não tá ruim o preço não, pelo que vem com ela!

          Só colar depois do endereço do facebook .com

          /groups/ClassificadosdaFotografia
          /groups/classificadoscanonnikon
          /groups/dslrbrasilclassificados
          /groups/339519739414901
          /groups/327030357374152
          /groups/133847696750245
          /groups/compravenda.fotografia
          /groups/classifoto
          /groups/COMPRAeVENDA.FotografiaDepressao
          /groups/tafacio
          /groups/VendeCompraTrocaEquipamentosFotograficos
          /groups/506804476061256

          • João Ribeiro

            obrigado vou dar uma olhada, e olhei errado são 72mil clicks, ainda vale a pena?

          • Mauro Moraes

            Humm… aí é de se pensar. Não que seja um mal negócio, muito pelo contrário! 50% da vida útil já foi. teoricamente, claro!
            Você tem necessidade do grip com duas baterias? Só como exemplo… eu peguei uma D7000 essa semana, e fiquei com a D5100 “sobrando”. Várias e várias vezes pensei em pegar um grip pra ter a facilidade de duas baterias na mão com a D5100. Na boa? Nunca precisei. Se você fotografa por hobby, acho questionável o grip e 2 baterias. No quase ano e meio que fiquei com a D5100, não me lembro de ter ficado na mão por causa de bateria. Ela aguenta tranquilamente pelo menos 400/450 fotos. Aí faz uns testes e vê se compensa pro seu uso. Senão, você vende ele!

          • João Ribeiro

            entendi, o uso é para hobby mesmo, para um usuário comum a 5100 tem mt diferença para a 5200? achei uma 5100 com lente 50mm e me interessou mais e o preço está melhor.

          • Mauro Moraes

            Ó, se a T1i te atendia, tanto a D5100 quanto a D5200 vão te atender com muita folga! Mas frente ao uso dessa D5200 que você viu, eu diria pra você ir sem medo na D5200. Ela tem alguns aspectos técnicos melhores frente à D5100, mas são coisas bem “caçar pelo em ovo” para uso em hobby. E a lente 50mm dá uma qualidade fantástica às fotos. Eu acho que vale muito a pena pegar essa D5100. Mas atente-se ao detalhe: a 50mm tem a versão f/1.8D e f/1.8G. A lente D só vai focar manualmente na D5100. Pra você não apanhar e largar mão da lente, é melhor garantir que seja a AF-S f/1.8G! As lentes Nikon com modelo D após a indicação da abertura são sempre com foco manual nas D3XXX e D5XXX!

          • João Ribeiro

            a D5100 está 100 reais mais barata, mas vem com a 50mm AF-S f/1.8G e acho que está com menos clicks. a D5200 vai com a lente do kit + grip e bateria extra.
            meu foco é mais tirar fotos de paisagem quando eu viajar e de comidas (curso gastronomia) pretendo ficar pelo menos 1 ano e meio com a camera, acho que o tempo de vida útil da D5200 vai me atender bem ainda.
            caso a D5100 esteja com um numero alto de clicks também compensa mais pegar a D5200? levando em conta que ela herdou algumas funções da D7000 e investir numa 50mm?

          • Mauro Moraes

            João, minto. Desculpa, a D5200 tá com quase 75% da vida útil do obturador dela usado, e não 50%. As D5XXX são projetadas para uma vida média de 100.000 clicks, e não 150.000. Sim, é loteria, até porque já vi D5100 com mais de 200.000 clicks, mas eu não arriscaria.
            Sinceramente? Eu optaria pela D5100 ainda assim. Os recursos da D7000 que a D5200 tem seriam os 39 pontos de foco, e o sensor RGB que dá uma ajuda no equilíbrio de branco frente ao sistema da D5100. Na boa? Para o tipo de fotografia que você gosta não vejo utilidade nos pontos de foco a mais, e se você investir um tempinho aprendendo a mexer no Lightroom, e optar por fazer suas fotos em RAW, o equilíbrio de branco não vai fazer uma diferença notável. Nesse contexto que você apresentou, acho bobeira ficar com essa D5200 que você tá vendo. Se ela tivesse uns 20/30.000 clicks a menos, seria um ótimo negócio!
            Sobre a lente 50mm, eu acho ela uma boa pedida pra gastronomia. A 18-55mm da Nikon que vem com essa D5200 não faz feio não, pra quem sabe usar. Mas pra gastronomia, essa 50mm vai ser muito boa! Sem contar que a abertura dela é bem maior que a da 18-55mm, e você vai ter boas fotos com baixa luminosidade. Sem falar no desfoque de fundo que a 50mm vai te dar!
            Com relação a paisagens, ela também é ótima, mas talvez você possa sentir uma certa frustração pelo fato do zoom funcionar “nas pernas”. Só andando pra frente ou pra trás mesmo, haha. Se você puder investir um pouquinho a mais, mesmo que não seja agora, tenta pegar a 18-55mm. Ela é baratíssima e vai te ajudar em fotos de paisagens. Mas leve em conta que estamos falando de custo baixo pra benefício aceitável, certo? Acho que seria ótimo negócio você bater o martelo nessa D5100 + 50mm, e quando der, pega uma 18-55mm. E quando você já tiver uma experiência melhor, aí dá pra partir pra lentes mais específicas ao seu gosto!
            Mais uma coisa: possivelmente pode aparecer algum crítico falando bobeira da 18-55mm esquecendo-se do contexto que estamos falando: equipamento bom pra início, com custo aceitável. Se você quiser uma “prova” do que essa lente pode fazer, procure no tio Google por digiforum nikon 18 55 notável, e entre no primeiro link que aparecer, e veja você mesmo o que é possível conseguir com ela!

          • João Ribeiro

            Entendi, vou dar uma procurada mais com calma para não comprar nada errado. Obrigado pela grande ajuda!

          • Mauro Moraes

            Opa, precisando, estamos aí! Boa sorte com a compra!

          • João Ribeiro

            Vou pegar a 5100 mesmo, a lente é a com motor de foco, ta com menos de 20mil clicks e já vai com um cartão de 32gb, achei uma lente 18-55 por 250 ai ja compensa

          • Mauro Moraes

            Legal, cara. É um ótimo negócio!

  • Rodrigo Figueiredo Bertelli

    Só um adendo. Na D7100 já não tem o filtro low pass.

  • Marcus Pereira

    A D7000 é minha câmera de trabalho. Não me arrependo e não penso (nem tenho grana) para mudar de equipamento tão cedo.

  • Câmera incrível… se tivesse grana na época e entendesse um pouquinho mais de fotografia, teria comprado uma D7000 (na ocasião). Ela ainda é um sonho de consumo junto com a FullFrame D610 que é em minha opinião a FullFrame de ótimo custo benefício… claro… desconsiderando o preço no Brasil, claro.

  • Mauro Moraes

    Uma pena que com o dólar nos patamares atuais ela vai chegar aqui num valor absurdamente proibido! Em valores absolutos realmente tá com um ótimo preço. Só o dólar que não!
    Eu tive oportunidade de pegar essa semana uma D7000 por R$1350 com 33k clicks. A alegação era o segundo slot de cartão quebrado. Resolvi em 15 minutos com uma lanterna e clipe de papel, removendo um pedaço microscópico de plástico provavelmente quebrado de um cartão.
    Até pensei em juntar ela e a minha D5100 e partir pra D7100, mas vi alguns aspectos negativos na subexposição de áreas escuras que provocam algumas faixas na imagem, cortesia do sensor Toshiba. Se a D7200 realmente vier com sensor Sony, com certeza vai ser a minha escolha quando for aposentar a D7000!

  • Pingback: Nikon D7200 — melhoria na velocidade de processamento » JPC()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis