Maior telescópio do Espírito Santo custa menos que dois PS4s

The European Extremely Large Telescope (Artist’s rendering)

Existe um fenômeno interessante em Internet, que é o sequestro de Threads, onde uma conversa nos comentários desvirtua completamente o tema e fala-se tudo, menos sobre o assunto do texto. Hoje ocorreu algo inédito: sequestro de post.

Eu ia escrever sobre a polêmica envolvendo o observatório E-ELT, European Extremely Large Telescope, que está sendo construído em Cerro Amazonas, próximo a Paranal, no Chile. A briga é antiga, da mesma forma que com a Estação Espacial Internacional, o Brasil se comprometeu com projetos científicos de grande porte, não teve dinheiro pra bancar e ficou com fama de caloteiro.

Enquanto isso graças a um acordo com cara de favor, o Brasil paga € 4 milhões por ano e tem acesso aos telescópios do completo VLT, apenas o maior do mundo, também do ESO – European Souther Observatory. O favor é um pré-acordo, o acordo formal vem desde o Governo Lula, mas NUNCA foi votado pelo Congresso, foi engavetado pelo Mercadante, desengavetado pelo atual Ministro (não riam!) da Ciência, Tecnologia e Inovação. Achei que esse fosse o Marco Gomes.

Um grupo de astrônomos mandou uma carta aberta pedindo que o acordo seja votado e aprovado, o que significaria investimento de € 270 milhões. Em 10 anos. O Ministro não está empenhado, acha que não há consenso entre a comunidade científica. Vou contar um segredo, Ministro: NÃO EXISTE CONSENSO ENTRE A COMUNIDADE CIENTÍFICA SOBRE NADA. Existem opiniões predominantes. Durante o Programa Apollo um monte de cientistas era contra, preferindo exploração com robôs. Nem dinossauros eram algo próximo de consenso, e Einstein foi engolido a contra-gosto por muita gente.

Você pode ler mais sobre a história aqui, mas não foi isso o que me deprimiu. Vendo o Brasil mendigar uma verba que muito provavelmente é menos do que o Congresso gasta em café, percebi que a afirmação dos opositores ao projeto é correta. € 270 milhões é muito caro. Céus, € 4 milhões é irreal para nossa realidade.

Enquanto rola a discussão do ESO/VLT, a Universidade Federal do Espírito Santo está enfrentando um drama próprio. É o Telescópio Robótico do Espírito Santo. O projeto é, bem, um telescópio robótico, que é nada menos que o Maior Telescópio do ES. O objetivo era instalar o equipamento no Observatório Astronômico da UFES, no campus de Goiabeiras, em Vitória (não vou escrever ES novamente).

Chegando lá descobriram que o prédio estava abandonado, sem condições de uso. Na verdade foram proibidos de utilizar a construção. Também não seria muito útil, os equipamentos estavam armazenados indevidamente, com lentes contaminadas com fungos.

Aí você imagina os milhões de Reais perdidos. Bem, pelo menos o prejuízo não foi tão grande. Sabe qual era “O maior e mais moderno telescópio do Espírito Santo”? (juro, palavras deles, aqui o PDF)

Este:

telescopao

É um Meade LX200. Excelente aparelho, sonho de consumo de muito astrônomo amador, e sonho alcançável, se você fizer um carnê. Ele custa novo no fabricante, US$ 2.599,00. Caro? Sim, mas é nenhum Hubble, mas se você pesquisar no site da Meade, acha o Max, um monstro com 20″ de abertura e US$ 34.999,00 de preço.

Dá para fazer astronomia com um telescópio mais barato do que dois PS4? Com certeza, Galileu descobriu as Luas de Júpiter com algo com menos visão do que o Stevie Wonder, mas isso foi, sei lá, em 1960. Estamos falando de fazer pesquisa com brinquedos de amadores e hobbistas, equivale ao Depto de Engenharia Química pesquisar com um Pequeno Químico.

Agora você vai falar que o Brasil tem prioridades, que não temos dinheiro para esse tipo de gasto em pesquisa, bla bla bla.

Aí eu falo para você de outra notícia: uma nação sem nenhuma tradição científica está inaugurando o maior observatório da região. Estão construindo no alto de uma montanha um observatório, ao custo de US$ 3,4 milhões. O grupo, que em 2004 era chamado de “malucos” inaugurou sozinho o programa espacial do país.

O projeto de recuperação do Observatório da UFES, que a muito custo conseguiu R$ 200 mil, está parado. O país que está investindo US$ 3,4 milhões em seu observatório? Etiópia.

Ciência no Brasil tem a característica de ser dolorosa para todos os envolvidos, seja você um beagle ou não.

Relacionados: , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar
  • Enquanto isso UM MÍSERO ESTÁDIO PARA FUTEBOL sai a mais de um bilhão de reais, e é aprovado a toque de caixa.

    • É… isso é desanimador. Dinheiro não falta, mas as prioridades estão bagunçadas mesmo. E olha que eu adoro futebol, hein?

      • Luiz Felipe

        Talves seja esse o problema. Em outros paises eles tem mais esportes, isso ensina a pessoa a nao ser fanatica em uma coisa apenas.

        • Mauro

          Acho que o problema nem é esse… O Brasil só é o país do futebol nas propagandas da Coca-Cola. Na prática países como a Inglaterra são bem mais apaixonados pelo esporte do que nós… Lá tem público de milhares de espectadores até na quarta divisão, enquanto aqui na primeira divisão um clube sofre pra colocar 15 mil torcedores dentro do estádio.
          O problema, penso eu, é o governo se envolvendo no que deveria ser 100% privado. Isso de construir estádio com dinheiro público não faz sentido.
          Mas aí a gente chega na história de que um político prefere fazer 10m de calçada do que 100m de esgoto, porque a calçada é visível e dá voto. Pense num prefeito/ governador/ presidente inaugurando a nova arena Corinthians, Maracanã, Atletico-PR, e etc… Isso dá publicidade! Inaugurar telescópio no Espírito Santo renderia uns 30 segundos na voz do Brasil, e só…

          • Luiz Felipe

            Isso ocorre mesmo, na minha cidade recapam tanto a mesma rua (que nem tem buraco) que a valeta fica profunda o suficiente para ser impossivel passer sem bater o peito de aço do carro. É uma droga, só fazem o que é visivel.

          • Agora eu pergunto: o problema é do governante ou dos governados?

          • rodrigocg17

            É natural que pensemos que dos últimos, mas considerando o processo de formação dessa população temos de atribuir a reponsabilidade aos primeiros.

            O povo é em parte reflexo e resultado da corrupção que não consegue extinguir por falta de meios que habilmente os politicos orquestram para que não funcionem e lhes permitam o status quo.

          • Badarane

            cara sempre leio seus comentários com sotaque britânico.
            você é “Adevogado”?

          • Rodrigo Cavalcante da Silva

            kkkkkkkkkkkk, espero um dia vir a ser “Advogado” mas infelizmente ainda não… Nem sabia que você os acompanhava, mas obrigado pela entonação britanica, dá um charme estupendo!

          • Denis Falqueto

            O problema é de todos, porque os governantes são extraídos dos governados. A culpa é sim de todos nós.

    • OverlordBR

      É que os políticos ainda não descobriram que dá para fazer um caixinha 2 em cima de projetos científicos também!

      POLÍTICOS: DÁ PARA SUPERFATURAR PROJETOS CIENTÍFICOS! Vamos lá… se é para roubar, pelo menos roubem e incentivem projetos que façam esta “porquera” de país se desenvolver!

      • Anndrey Francys

        Acho que esse ano começa a construção do nosso acelerador de partículas que inicialmente iria custar 400 milhões de dilmas mas não vai sair por menos de 650 milhões. Eles falaram que foi por causa da comunidade cientifica internacional que desafiou eles a fazer mudanças no projeto.
        Pode ser que sim, pode ser que não e pode ser que alguém está superfaturando.
        Moral é que eu acho super legal esse investimento.

        • De que projeto é esse que você está falando?

          • Rafael Rodrigues

            Sirius. Um acelerador de partículas bem honesto que está sendo feito em campinas.

          • Quanto espaço é necessário pra fazer um acelerador de partículas?
            Tipo: Passaria por quantos estados do Brasil?

          • Cabe numa cidade só. O LHC, o maior que existe atualmente, tem 27km de circunferência. Ou seja, cerca de 8,6km de diâmetro

          • Rafael Rodrigues

            Nah, são uns 200m de diâmetro. Comparar com LHC é covardia. Nem os objetivos são os mesmos. Mas não deixa de ser bacana!

  • Iuri Santos

    Triste

  • Que deprimente… =(

    Ciência, Tecnologia e Inovação em um único título de pasta ministerial, só para não dizer que não significam coisa alguma, e o investimento que é bom… niente.

    • Carlos Magno GA

      Enquanto isso temos um ministério para “Agricultura e Pecuária” (o ministro é Eng. Civil), um para “Desenvolvimento Agrário” (o ministro é formado em Homeopatia), “Desenvolvimento Social e Combate à Fome” (ministra economista) e um para Pesca (o ministro também é Engenheiro Civil, além de sacerdote), quando poderíamos só ter um (Ministério da Agricultura e Extras, eu gostei do nome).

      • OverlordBR

        “Ministério da Pesca”…
        Tentei tirar uma licença para pesca amadora (pesca com tarrafa na beira da praia) e é um inferno de burocracia!
        Motivo: dizem que eu, pobre mortal, com minha tarrafa que cobre, no máximo, uma área de uns poucos metros quadrados… estou praticando pesca predatória!

        Em compensação, há poucos metros da arrebentação há barcos de pesca fazendo arrastão com redes quilomêtricas e, com isto, “limpando” a flora e fauna marítima… à vontade, sem fiscalização. Fora os barcos “estrangeiros” que entram em águas brasileiras.

  • Luiz Swim

    Numa sociedade onde a maioria das pessoas acha que teoria científica e teoria comum é a mesma coisa, isso não me surpreende muito.

  • Galileu descobriu as luas de Júpiter em 1960? Eu acho que não, hein.

    • Na verdade foi em 1610, mais ou menos a mesma época em que a capacidade de perceber uma piada desapareceu na linhagem genética da sua família.

      • Marcio Oliveira

        OWNED!

      • RaphaelDoVale

        Pior que o Cardoso levantou a bola e ficou só esperando alguém chutar… aposto que ficou só esperando hahaha

  • Pra falar a verdade, nem me surpreendo com isso. E isso é mal 🙁

  • Wagner Felix

    O povo faz motil pelos motivos errados :(.

  • JeanSFranco

    Quando li o título da noticia comecei a ler empolgado pensando que nossos pesquisadores, que tiram leite de pedra para conseguir pesquisar algo, inventaram um telescópio super barato e tal. Confesso que foi deprimente, de empolgação a total decepção com nosso governo, acho que seremos lideres só de fazer chinelos de pneu mesmo. :/

  • JeanSFranco

    Sabe, as vezes da vontade de entrar na política só para tentar assumir uma pasta como a da “ciência, tecnologia, inovação e caxirolas”, mas sujar as mãos entrando na podridão que é a política, é complicado.

    • ElGloriosoRangerRojo™

      Eu incentivava muito meus amigos e conhecidos a parar de reclamar e entra pra política, nem que fosse só pra atuar em uma associação de moradores.

      Mas ultimamente tenho mudado de ideia. Quando vejo engajamento político de gente da minha idade, é pra ficar defendendo o direito da mulher não depilar o suvaco, de deixar as pernas cabeludas… /facepalm

  • Luiz Felipe

    Nao, eu nao coloco a culpa no governo, ele sempre reflete as pessoas. A culpa eh do brasileiro, sim, que so se importa com coisas banais.

    • Daniel

      Falou tudo Luiz Felipe… As pessoas não se importam com esse tipo de coisa, para falar bem a verdade se você começa a falar de assuntos “difíceis”, se torna o chato da conversa. Agora falo de novela, futebol, churrasquinho na laje, já é chegado, “se pá” está até convidado para o próximo… Triste, muito triste e se chama brasil.

    • rodrigocg17

      Raciocínio interessante, mas você concorda que uma boa maneira de mudarmos isso seria extinguindo a antiga forma de politicagem que é o voto obrigatório?

      Vejo que as mesmas pessoas que não tem visão pra assuntos científicos não a tem para os políticos mas pela obrigatoriedade de um acabam sendo guiados a perpetuarem ambas questões.

  • Lucas Timm

    Só com o horário de verão o governo vai “economizar” 400 milhões de reais. Se precisarem enfiar esse dinheiro num estádio, ele certamente estará disponível. Lamentável.

  • Xultz

    Nessa hora, sempre me vem à cabeça aquela cena do Alborghetti cantando “Brasil, me Brasil brasileiro…”. Pior que assisti aquela cena na televisão…

  • Vitor Felipe

    Se ES ta assim, creio que alguns estados estão apontando a lupa pro céu.

  • Nemo Maxime

    Como sempre: É CULPA DO PT! Parabéns Cardoso Azevedo.

    • É, pura perseguição, não é como se os acordos venham rolando desde o Governo Lula e o Ministro da Ciência e Tecnologia seja associado ao Governo de qualquer forma.

    • Como sempre, politiCUzinhos de Internet (seja de qual lado do chiqueiro esteja) fazendo o que de melhor sabem fazer: Falar e fazer merda na Internet.

      Maldita inclusão digital.

  • Brunno

    galileu descobriu alguma coisa em 1960??? acho que vc confundiu na pesquisa.. esse galileu aí é um telescópio (tipo o hubble) com nome do famoso cientista

    • OnoSendai

      É uma brincadeira com a data real, 1609.

    • Temos um vencedor. Além de não entender piadas, não lê comentários anteriores.

      • Brunno

        quando eu escrevi meu comentário não haviam outros comentários. = e a data casou certinho com a data de lançamento do telescópio, por isso achei que vc tinha realmente confundido

    • E tira esse avatar do tripa-seca porque tu é moleque.

      • Brunno

        kkkk tripa-seca é o vilão mais sinistro ^^

  • Epa! Eu não tenho nada com isso! Ha ha

  • Mas esse texto não vai adiantar nada. A galerë ainda vai continuar com o seu mimimi sofativista felipenetiano por causa do preço escorchante do PS4.

  • Pingback: Telescópio impresso em 3D com Lumia 1020()

  • Storvs

    Por falar na ISS, o brasil se livrou é das boas. O projeto simplesmente pode naufragar, explico, prá um estação espacial sem ninguém lá dentro? Como poderia ter alguém sem a nave Soyus? Aliás pode ter muita gente lá sim, os russos hahaha, mas eles disseram que vão de desmontar um terço a ISS que a eles vão empacotar e possivelmente usar em sua própria estação.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis