Usando o Putty para acessar a web em locais bloqueados via SSH Tunneling

Para não deixar nenhum administrador de rede irado, um aviso: este tutorial serve para que você aprenda a barrar este tipo de brecha na sua rede (claro!) e não para se acessar a rede livremente em locais bloqueados. Porque isso é errado.

Enfim: neste artigo, mostro como usar o putty e uma máquina Linux (ou uma máquina Windows, até) rodando openSSH para criar uma conexão de tunelamento SSH e acessar sites bloqueados ignorando as configurações e bloqueios da rede em que se está.

É possível que não funcione? É. Depende muito do administrador de rede. Porém, a maioria deles não conta com uma vontade assim tão grande por parte do usuário de ver seu orkut e nem bloqueia tal técnica.

Vamos lá:

Partimos do princípio que a máquina ‘servidor’ (o seu Linux de casa, o do trabalho, ou seja lá de onde for) ou até uma conta shell de serviços gratuitos da internet, esteja rodando SSH na porta 22 (pode ser em outra, desde que você saiba em qual). Neste tutorial, assume-se que seja na 22.

Baixe o Putty.

Tendo o putty, tendo o OpenSSH em algum servidor qualquer e sabendo a porta, já dá para brincar:

Por linha de comando:

caminho\para\o\putty -l {Nome de login no SSH} -pw {password do SSH} -D {porta do proxy socks, 1080 no caso} -P {porta do SSH, 22 comumente} -ssh {Endereço do servidor}

Exemplo:

C:\PastaFeliz\putty -l Fabio -pw 123456 -D 1080 -P 22 -ssh 127.0.0.1

Feito isso, o tunel SSH está aberto na sua máquina, após você digitar seu login e senha na tela a seguir, do próprio putty. Deixe-a aberta, minimize, o importante é não fechá-la. Tecnicamente, rodando o putty com estes comandos, ele abre um tunel SSH da máquina servidor para a máquina cliente, e disponibiliza uma espécie de ‘proxy’ socks rodando na máquina em que você o abriu.

Para acessar a internet usando este ‘proxy’ socks, configure a conexão de seu navegador, de modo em que o uso do proxy socks aponte para “localhost” na porta 1080:

IE 8 (pensando no futuro):

Firefox 3 (idem):

Mas, no restante dos browsers é a mesma coisa. E vale para todo e qualquer programa que tenha suporte a socks. E, não posso afirmar com certeza porque faz algum tempo que não me informo, mas parece que há programas que dão suporte a socks proxy para qualquer coisa.

Feito isso, tá lá: acesso irrestrito à rede, pulando as restrições internas.

Adendo:

Tudo isso pode ser feito usando a interface gráfica do putty:

Indicando o servidor:

Configurando o Tunel:

Caso o local aonde você esteja acessando possua proxy autenticado, com usuário e senha, pode configurar o putty para usá-lo:

Lembrando sempre que isso não vai funcionar em todos os casos. Mas, vale a tentativa. Os usuários mais avançados vão perceber as possibilidades quase infinitas que o putty oferece em redirecionamento de portas.

Autor: Fabião

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples