Digital Drops Blog de Brinquedo

Rumor: Apple estaria negociando comprar a PrimeSense, empresa que ajudou a desenvolver o primeiro Kinect

Por em 16 de julho de 2013
emApple e Mac Hardware relacionados     
Mais textos de:

Twitter
  • abraaocaldas

    Erro de digitação: ” dieretores ” e “que fica em Israel.” creio que seja “que ficam em Israel” já que se tratam de instalações.

    Mesmo assim fica a pergunta para que? O Iphone ou o MAC realmente precisam desse tipo de tecnologia?

    • http://twitter.com/Cyber_Ramses/ Ronaldo Gogoni

      Corrigido. Sobre precisar ou não, imagine controlar a Apple TV do sofá, ou manipular suas planilhas a lá Minority Report. Não é questão de precisar, e sim porque enche os olhos.

      • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

        Exato, empresas criam soluções que antes ninguém precisava, mas que hoje em dia ninguém vive sem.

  • http://livioribeiro.posterous.com Livio Ribeiro

    A Apple realmente precisa adquirir a PrimeSense? Não poderia simplesmente licenciar a tecnologia? A Asus também utiliza tecnologia da PrimeSense em seu sensor de movimento.

    Conhecendo a maçã, eu diria que a aquisição seria para evitar que outras empresas usem a tecnologia da PrimeSense.

  • DesktopForever

    A Prime Sense perdeu um pouco do seu valor, já que o Kinect 2 com imensas melhorias sobre o original foi desenvolvido unicamente pela Microsoft.
    Quem comprar ela agora, terá um longo caminho a percorrer para alcançar a Microsoft, que acreditou nisso desde o princípio e segue investindo pesado no aperfeiçoamento de tal tecnologia.

  • http://edulacerda.tumblr.com/ edulacerda

    Na boa, você realmente acha que a Apple vai lançar um dispositivo similar ao Kinect? Se não, seu comentário sobre blablabla fags foi desnecessário. Na melhor das hipóteses a Apple pode embutir a tecnologia numa próxima encarnação de um produto já existente ou numa nova linha.

    • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

      Eu acredito que sim, a Apple pode lançar algo similar (não idêntico), uma vez que ao lançar o iPhone a Apple disse que uma grande inovação acompanhava aquele smartphone: o Bluetooth para dispositivos de áudio, que só pra ela era uma inovação, uma vez que isso já existia há séculos. O pior é que boa parte do mercado fez “Ohhhh! Genial”. Essa é a força do marketing da Apple.

      O que impede dela fazer o mesmo com um similar do Kinect e fazer um marketing pesado nele?!

      • http://edulacerda.tumblr.com/ edulacerda

        1 – O Kinect sozinho é um aparelho que só tem função para hacker.
        2 – A Apple não é a Sega dos anos 90 para lançar um acessório tão caro quanto o produto principal. Lembrando que a Apple TV atual custa 99 dólares, e a diferença de valor do XOne para o PS4 é creditada à presença do Kinect 2.
        3 – Praticamente tudo que a Apple lança é voltado para a generalidade do público. No máximo dentro desses produtos existem opção para usuários avançados. A única exceção é a linha Pro Apps e o Mac Pro, que não costumam ser atualizados com tanta frequência.
        4 – O iOS 7 já oferece como opção de acessibilidade controle do aparelho via movimentos de cabeça.
        5 – A contratação possivelmente é feita para ter os engenheiros, aprimorar e somar ao que já existe.

        • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

          O Kinect é um aparelho que não funciona sozinho por opção da Microsoft. A Apple bem pode criar um similar que seja All-in-One, tipo um Kinect com tela LCD ou até mesmo um iMac com seu “Kinect” embutido.

          Isso sim seria algo inovador no ponto de vista computacional, diferente da proposta do Leap Motion e do Duo3D.