O helicóptero dos Flintstones já é realidade

AeroVelo

Crédito da imagem: reprodução.

A Igor I. Sikorsky Human Powered Helicopter Competition, algo como Competição Igor I. Sikorsky de Helicópteros Movidos por Pessoas, mantida pela Associação Americana de Helicópteros (AHS, da sigla em inglês) oferece um prêmio desde 1980 para quem conseguir fazer voar um helicóptero movido apenas por “tração” humana por um minuto, e atingir 3 metros do chão em uma área de 100 metros quadrados.

Até hoje, ninguém tinha conseguido ganhar o prêmio, no entanto. Até o ano passado, para ser mais exato.

A geringonça, para usar um termo técnico, desenvolvida pela equipe do canadense Todd Reichert, conseguiu o feito. Não é uma máquina que poderia ser utilizada comercialmente, nem mesmo como hobby, para dizer a verdade, mas esse não é o espírito da competição. Segundo Mike Hirschberg, diretor da AHS:

A competição não visa criar uma máquina prática. É um desafio para a comunidade técnica do voo vertical. É um projeto multidisciplinar que agrega habilidade técnica e trabalho em equipe para superar o que muitos diziam ser impossível nas últimas três décadas.

Esse ano finalmente a AeroVelo, uma pequena equipe composta por alunos, graduados e voluntários da Universidade de Toronto, enfrentou a Universidade de Maryland (EUA) atrás do voo perfeito.

A equipe americana trabalhou em seu projeto por mais tempo e contava com uma equipe maior, mas após um tenso voo final pilotado por Reichert mês passado, os canadenses resolveram enfrentar a competição.

A vitória foi confirmada quinta-feira, e a AeroVelo foi oficialmente anunciada como vencedora do prêmio em dinheiro de 250 mil dólares.

Não é algo que seja viável a curto prazo, mas é um exercício em expandir os limites do que é fisicamente possível e do que você pode fazer com materiais leves e um projeto criativo. Vencer essa competição é um catalisador para continuar fazendo as coisas que amamos. Nosso objetivo é abraçar projetos que inspirem as pessoas a perseguirem grandes sonhos” — Todd Reichert

O helicóptero, chamado de Atlas, é enorme, medindo quase 47 metros entre uma extremidade e outra, mas é incrivelmente leve para seu tamanho, com apenas 54 quilos.

HeloSociety — AeroVelo Wins the 33-Year Old AHS Igor I. Sikorsky Human Powered Helicopter Competition

A estrutura é feita principalmente de tubos de fibra de carbono conectando quatro rotores a uma bicicleta central, que faz com que as hélices girem. O movimento depende todo da força física do piloto.

Foi necessário mais de um ano para desenvolver o equipamento e dois grandes acidentes até a equipe conseguir vencer a competição.

Todd Reichert e Cameron Robertson, engenheiro da equipe, já montaram sua empresa, também chamada AeroVelo, para trabalhar em outros projetos de equipamentos movidos por força humana, que eles acreditam ser uma alternativa ao combustível fóssil.

Fonte: Ottawa Citizen.

Relacionados: , , , , ,

Autor: j. noronha

Blogueiro em tempo integral e gênio nas horas vagas.

Compartilhar
  • Edmilson_Junior

    Não achei que fosse possível sair do chão com uma rotação tão baixa o.o”

    • Bruno Lrck

      É um quadricoptero, e suas pás são longas e largas, mesmo em baixa rotação, gera uma força de sustentação muito “grande”. Mas convenhamos, a estrutura é extremamente leve.

  • André Fuzatto

    Que coisa mais doida! Mas mesmo assim o projeto é impressionante.

  • Pingback: Campanhas do Kickstarter arrecadaram US$ 480 milhões em 2013()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Walmart, Cupom de desconto Ricardo Eletro, Cupom de desconto Extra, Cupom de desconto Adidas, Cupom de desconto Submarino, Cupom de desconto Americanas, Cupom de desconto Casas Bahia