Digital Drops Blog de Brinquedo

Programas para aplicações científicas

Por em 3 de dezembro de 2007
emMiscelâneas Open-Source Software
Mais textos de:

  • cwda

    ótima matéria Marcellus!

  • Saeger

    Apesar dos softwares alternativos, ja tive problemas tentando usar o Octave. As importações não aconteciam 100% com sucesso e ter que ficar debugando o projeto é 1 saco.
    Realmente o matlab é insubstituível (para aqueles que podem pagar)

  • cwb35

    Concordo que o Matlab é o melhor. Uma opção interessante para quem não quer ou não pode pagar pelo Matlab é o Lush

    http://lush.sourceforge.net/index.html

    a+

    Luiz

  • tcerealk

    Só aproveito esse espaço que falaram do scilab para homenagear o professor Paulo Mota da UFRN que é uma das pessoas que prover documentação em português a esse programa.

    Engenheiro eletricista que ministra a matéria de métodos computacionais e um apaixonado pelo slackware.

  • Joao Lima

    Usei o Octave porém perto do Math e meio complicado escolher qual usar O math e mto bom o meu aki ta exorcizado hehe.

    HoHoHo…Mission Complete.

  • Lobo

    Homem que é Homem usa o Root. :)

    http://root.cern.ch/

  • hablocher

    Alternativa mais simples e free (não substime o poder dessa “ferramentazinha”) -> WINPLOT (http://math.exeter.edu/rparris/)
    A Peanut Software tem outros softwares matemáticos, em várias línguas. o WIMPLOT é utilizado em muitas faculdades brasileiras para ensinar Cálculo.

    Alternativa mais elaborada e paga (não tão cara) -> MUPAD (http://www.mupad.de/)

    T++

  • davidkwast

    Isso me lembrou um utilitário em Python:

    Reinteract – Better interactive Python « fishsoup
    Screencast – 5min

    Só avisando, não está nem em estágio Alpha, mas tem um imenso potencial!!!

    E pros fanboys da MS:
    O dia em que o IronPython for 100% compatível com o CPython, vcs ganham isso de graça!!! Só não sei se licença vai deixar integrar no Visual Estúdio 20xx.

    davidkwast.blogspot.com

    • Marcellus Pereira

      Será possível que conseguiremos, algum dia, ter um artigo (com os respectivos comentários) que não contenha a palavra “fanboy”?

      • davidkwast

        Me desculpem, vou prestar mais atenção antes de começar um flame war ou coisa do tipo. Já devo estar com mania de perseguição…
        davidkwast.blogspot.com

  • sombriks
  • http://magno-naval.blogspot.com magno

    Ainda bem que eu não trabalho tanto com pesquisa científica, logo nunca precisei trabalhar com Matlab. De resto eu faço os cálculos na mão mesmo: “Dê-me um compilador e eu moverei o mundo.”

    Só uma curiosidade: o Matlab custa quanto?

    • http://dleafy.deviantart.com/gallery/ DavidS

      o matlab também é muito utilizado na área de inteligência computacional (conhecido por muitos como inteligência artificial) porque facilita muito na criação de coisas com redes neurais.

      o Matlab custa uma nota basicamente por causa dos tool boxes, que são muito caros, mas parece que saiu um kit free do matlab… deve ser sem nenhum toolbox, assim que der um tempinho vou conferir.

  • Joaquim Uchôa

    Mais duas ferramentas, que parecem muito poderosas:

    http://maxima.sourceforge.net/
    (tem uma interface gráfica em wxWindows:
    http://wxmaxima.sourceforge.net/wiki/index.php/Main_Page)
    Esse é descendente de um software antigo do MIT, aparentemente não tenta se espelhar no MATLAB,

    http://freemat.sourceforge.net/wiki/index.php/Main_Page
    Esse deixa claro que tenta ser MATLAB-compatível, acusando 95% de compatibilidade, algo como o Octave, acredito. Quando falo que eles são compatíveis, quero dizer que executam a maior parte do código Matlab disponível.

    Os dois rodam em Mac OS, Windows e Linux, com boa interface gráfica (algo que reclamo no Octave, apesar de o achar melhor que o Scilab). Não usei esses dois, conheci-os recentemente. Gostei muito do visual do Freemat e senti-me tentado a testá-lo.

    Ginux: http://www.ginux.ufla.br/

  • gabrielmcf

    Imagino que todos saibam mas não custa falar, é fácil achar torrent do MatLab crackeado e com todas as ToolBox. Inclusive a versão mais recente que vem em DVD, a anterior tinha 3 CDs de instalação.

    • Marcellus Pereira

      Também não custa falar que aqui no site não incentivamos a pirataria… cuidado.

  • http://br.groups.yahoo.com/group/ChannelTI/ JulianaPrado

    Oi pessoal

    Creio que o emprego torna o ensino de determinadas disciplinas mais interessante e faz com que estes profissionais percebam que a tecnologia veio para facilitar a realização tarefas que antes eram complexas.

    Adorei o artigo

    Juliana Prado Uchôa