Google vai adicionar informações de apps em resultados de busca

search

A grana grossa do Google vem dos anúncios, isso é inegável. Todos os seus produtos alimentam sua base de dados de modo a retornar ads cada vez mais eficientes. Mas e os dados de aplicativos, poderiam entrar nessa conta?

Agora entram. Em um anúncio feito hoje, o Google revelou que nas próximas semanas, a pesquisa passará a mostrar além das informações normais, dados do que as pessoas estão compartilhando em seus aplicativos. Por exemplo: ao pesquisar o app SoundCloud, o Google vai retornar as faixas de áudio mais ouvidas ou, no caso da imagem abaixo, retornar os filmes mais vistos no app Fandango (clique na imagem para ver em tamanho maior):

fandango

A ideia do Google é incentivar os desenvolvedores a adicionar a opção de login pelo Google+, já que todos os dados coletados e exibidos na busca são muito atrativos para qualquer um que deseje ver seu app se tornar mais popular e também os produtores de conteúdo, já que é mais uma mídia a exibir quantas pessoas consomem determinada mídia.

A nova funcionalidade estará disponível no desktop – nada de mobile por enquanto – nas próximas semanas, e os primeiros apps beneficiados serão Deezer, Fandango, Flixster, Slacker Radio, Songza, SoundCloud e TuneIn.

Fonte: Mashable.

Relacionados: , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • André K

    Creio que uma boa antevisão prévia desse futuro que o Google nos deseja foi (muito bem) sacada no Minority Report, quando os scanners de retina interagiam com o público retornando ofertas.

    Aguardemos…

    _____
    42

  • Pedro (Falkien)

    Eu não sei porque o google insiste nesse google+. Sério, eu estou lá cadastrado mas é só. Não “uso” (sei que o negócio funciona por mim, vice texto desse post), não organizo meus amigos, etc, etc. Pq eles simplesmente não importam essas informações do Facebook?

    • luisbrudna

      O Facebook não autorizou o Google usar as informações.

    • Felipe Lima ®

      começa a usar as comunidades de lá