Ciência
Ciência
Digital Drops Blog de Brinquedo

Cientistas bombardeiam cachaça com Raios Gama. O que poderia dar errado?

Por em 4 de janeiro de 2013
emCiência
Mais textos de:

Site | Twitter
  • http://twitter.com/nicola_rj Marcello S. Nicola

    Hora de marcar minha inspeção anual no irradiador da USP!

  • http://twitter.com/guedesav Bruno Guedes A. V.

    “atacando os microrganismos com algo que odeiam: pagode”

    Uai, se deixar um pernil perto de uma caixa de som tocando MC Naldo é capaz de durar uns 5 anos fora da geladeira.

    • http://twitter.com/Eddie_soul True Story

      Naldo e pagode?

  • Jean Franco

    Quanto a coloração façam que nem a Tequila Jose Cuervo Black, enfia um corante caramelo e já era.

    • joão Batista Alves

      É uma neura só,nos matamos os animais pra servir de alimentos,e com certeza somos vegetarianos,os micro organismo também servem de alimentos!!!!

      • Luiz Felipe

        Somos onivoros, provado cientificamente, não fale asneira.
        Quanto aos microorganismos, ai é uma questão boa, vegetariano pode comer microorganismo? ou vai depender se é um microorganismo que faz fotosinteze ou fagocitose, pois o de fagocitose teoricamente é um “animal”, já que ele come outros.
        Olha aqui a arvore da vida http://www.zo.utexas.edu/faculty/antisense/DownloadfilesToL.html , para que esse preconceito contra os animais, fungos e bacterias, bora comer todos eles. coisa boba esse negocio de vegetarianismo.
        Mas é claro que os microorganismos servem de alimento, quem nunca comeu iogurte, mas acho que nao dá para viver só disso.

        • Jean Franco

          Eu não entendi muito bem a ligação dos comentários com o que eu falei, hehe,

          • Luiz Felipe

            That escalated quickly.

  • abraaocaldas

    Lá por volta de 2003 eu visitei aqui em Manaus uma empresa chamada TechIon que fazia irradiação de alimentos, a empresa foi fechada porque algumas pessoas tinham medo da radiação….

    • http://twitter.com/fagsouza3 Felipe A.G. de Souza

      Sem dúvida ia crescer um terceiro olho ou tentáculos japas. Beeemmmm normal.

    • Luiz Felipe

      Então essas pessoas bem que podiam quebrar varios ossos para ficarem todas tortas, já que não vão querer tomar raiosX. Elas podem tambem morar em uma caverna e longe da civilisão e seus “perigosos” raios eletromagneticos. Dia desses alguem ficou pasmo quando eu disse que o celular usava radio, dizer que o sinal de TV tambem são ondas radio irá fundir a mente da pessoa. Incrivel como as pessoas não entende o minimo de magica, digo, de ciencia.

  • http://nada-aqui.posterous.com Marcio Neves Machado

    Tá comprovado: pagode não serve de nada, mesmo :D

  • http://www.facebook.com/nelson.h.c.nepomuceno Nelson Henrique Corrêa Nepomuc

    Os microorganismos devem gostar de pagode: feijoada, calor, gente dançando descalça e suando, desodorante vencendo…

  • Ruy Acquaviva

    Vou ter que fazer muitos e muitos experimentos de degustação para garantir que o gosto é o mesmo. Não que eu queira, trata-se de um esforço científico para garantir a qualidade desse importante produto nacional.
    E já que falamos no assunto vou tomar uma agora mesmo para já ir treinando.

  • http://www.facebook.com/franklin.weise Franklin Weise

    Contrariando os métodos naturais/milenares usados hoje, chegará o dia em que teremos vinhos com taninos maduros e aromas terciários produzidos em laboratório. Prevejo que os enófilos, como qualquer categoria elitizada, odiará a conseqüente popularização.

  • http://www.facebook.com/franklin.weise Franklin Weise

    A propósito, mesmo frutas e verduras tendem a ser produzidos em processos cada vez menos parecidos com a a agricultura tradicional (ou orgânica) – tudo em prol da produtividade. Os ecoxiitas reclamam, mas sem isto não haveria meios de alimentar o planeta.

  • http://livioribeiro.posterous.com Livio Ribeiro

    Acho difícil que o sabor da cachaça seja o mesmo pois, durante o processo de envelhecimento, a madeira altera o sabor da bebida, não apenas a cor. Basta comparar uma cachaça envelhecida em barris de freijó com uma envelhecida em carvalho, a diferença é bem perceptível.

    Mas se eu puder pagar menos por uma cachaça de boa qualidade, então tá valendo.

    • Hesiodo Ascra

      Pode não ser o mesmo mas uma parte da melhora é o envelhecimento… Ainda não vai ficar igual também mas o sabor pode ser acrescido de outras formas. Além disso nada impede de depois de ‘envelhecida’ um pouco como no artigo ela passe um periodo (que seja a metade) em toneis … Ainda assim pode ficar muito boa apenas na metade do tempo.

  • http://twitter.com/fagsouza3 Felipe A.G. de Souza

    No filme do Incrível Hulk (Do Leterrier, não o Ang Lee), o nosso querido Tio Stan sofre com uma bebida contaminada por Gamma. E não era nem cachaça, era um suquinho de segunda.

    INCRÍVEL como nossa ciência está avançando hoje em dia. E sim, isso É ironia.

  • http://www.facebook.com/evertonmj Everton Mendonça

    Não tô levando muita fé nisso não…
    A bebida, inclusive, muda de sabor a depender do tipo de madeira utilizada no envelhecimento.
    No processo de envelhecimento por radiação como isso funcionaria?

  • http://www.facebook.com/fuzatto André Fuzatto

    Já pensou no Hulk sacudindo o Loki depois de umas doses de Tatuzinho turbinada com raios gamas? Só ia ficar com as perninhas dele na mão!!!

  • http://www.facebook.com/cristiano.menezes Cristiano Santos

    “Clap! Clap! Clap!”

    Bato palmas para um artigo que, não somente foi cientificamente interessante, como também me fez dar boas e sinceras risadas. Muito obrigado por mais um pouco de texto e humor de bom nível.

  • http://twitter.com/luiscesarfc cesar 

    Trapaça? Logo a ponte aérea Rio-São Paulo também é trapaça. Quero ver se esses chatos acham justo ir e vir à pé.

  • Luís

    Será que de repente não poderia ser feita a mesma coisa para queijos?

  • darkus

    Essa é uma excelente notícia! Prevejo bombinhas de cachaça com qualidade de velho barreiro! =D

  • http://miudostrocados.wordpress.com Rodrigo Santiago

    “composição dos mesmos”

    Cardoso, é meio jacu corrigir erro gramatical, mas é que dói ver alguém que escreve tão bem cair na armadilha do “mesmo”. “Sua composição” ou “composição deles” seriam duas alternativas mais adequadas, já que “mesmo” é um pronome demonstrativo, e não pessoal, que é a função utilizada nesse trecho citado.

    É um erro que em uma situação corriqueira nem me daria ao trabalho de falar algo, mas como utiliza-se MUITO essa construção, acho legal que pessoas conhecidas por escreverem bem evitem isso.