Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Evento propõe cessar fogo virtual por vítimas de massacre nos EUA

Por em 18 de dezembro de 2012
emMiscelâneas relacionados  
Mais textos de:

Site | Twitter
  • http://twitter.com/hasmodai Eduardo Aguiar

    Ao inves de parar de atirar online deviam era parar de atirar nas escolas. Não vou deixar nenhum maluco atrapalhar minhas partidas de BF3.

  • Carlos Magno GA

    Sem querer ser chato, mas sacrifício mesmo é fazer em um sábado ou domingo de manhã. É como apagar a luz na “hora do planeta”, mas deixar o ar condicionado e a internet bombando.

  • Renato Lellis

    A iniciativa, além de inócua, pode ter o efeito contrário do desejado. Já que é patrocinada por um grupo ligado a games, pode muito bem ser interpretada como um mea culpa e alimentar os tolos que acham que os games provocam a violência.

  • Unfear

    Algumas pessoas podem interpretar como “foi culpa dos games e vamos ficar de castigo para repensar nosso atos”, se você pensa assim é um imbeciloide, a campanha e uma ação contra a violência, querendo ou não FPS são violentos.
    -
    Sempre quis entrar numa partida publica do CoD e convencer as pessoas de fazer uma brincadeira, ir todo mundo para o meio do mapa e não ficar se matando, pelo menos em uma partida ficar curtindo um bate-papo só para criar uma lembrança bacana, mas sempre tem um dedo-frouxo hehe

  • paulokdvc

    O que eu mais vejo hoje, são pessoas e entidades tentarem justificar algo. Quem já não conheceu uma pessoa bem estruturada (familia e dinheiro) e ainda sim ser drogada, viciada, alcólatra ou um marginal (roubando e matando)!?

    Como vi nos comentários, acredito que uma atitude dessas, como parar a jogatina, por mais nobre que seja, acabaria acusando os games e gamers mais ainda do que são hoje, ou seja, nos acusando de possiveis assassinos e serials killers a espreita de uma oportunidade.

  • http://alexkoti.com Alex Koti

    Eu sinceramente acharia melhor um dia de boicote às lojas de armas reais, mas a adoção por lá seria nula :D