Digital Drops Blog de Brinquedo

Bradesco lança depósito de cheque via smartphone.

Por em 28 de setembro de 2012
emInternet
Mais textos de:

Site | Twitter
  • Marco Santos

    É no mínimo irônico, mas toda nova tecnologia passa por um ciclo de sofrimento dos usuários… Que o diga Tim Cook e o programa cartográfico do IOS 6…

  • Bruno Nepomuceno

    Que bom que o Bradesco se tocou na possibilidade (que por sinal foi implementada nos USA e Canada pelo Chase faz um bom tempo; me lembro de ver uma noticia sobre isso em 2010). Quanto mais praticidade, melhor :)

  • http://www.facebook.com/people/Wagner-Felix/661933705 Wagner Felix

    #ingenuidade mode on
    não seria facil dar um “migué” forjanto um cheque e tirando a foto?

    • http://meiobit.com/author/max_laguna Emanuel Laguna

      Também vejo que haveria o risco de, sei lá, um mesmo cheque ser descontado duas vezes… Vamos ver no que vai dar: toda tecnologia nova nasce com muita desconfiança. ;¬)

      • http://profiles.google.com/1bertorc Humberto Ramos Costa

        O cliente tem q entregar o cheque físico de qualquer jeito… A possibilidade de fraude é a mesma (não aumenta).

        • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

          Eu acho que aumenta sim, visto que cheque só é processado em compensação bancária, o que possibilita que uma pessoa em posse de um mesmo cheque deposite em 2 bancos (Bradesco via Next e qualquer outro), pois no Next você só fotografa e continua da posse do mesmo. Pelo menos é o que eu entendi, que após a compensação aquele cheque “físico” ficaria inválido (status de já compensado).

          • http://ryan.com.br/ Jefferson Ryan

            Existe ainda um outro problema, onde a vítima é o emissor do cheque. Imagine que você passe o cheque para o cara, aí ele vai lá no fundo do estabelecimento (ou o que quer que seja), fotografa o cheque e depois devolve dizendo que a forma de pagamento vai ter que ser outra. Você paga de outra forma e destrói o cheque. Enquanto o estabelecimento for obrigado a apresentar o cheque físico em algum momento, menos mal. Mas como se resolve esse problema se isso um dia for dispensado? O cara diz que você passou o cheque e tem uma foto disso para cmprovar. Você diz que destruiu o cheque e não tem prova alguma. Se olharmos como anda o “golpe da lista telefônica” vamos ver que o que não falta é empresa notoriamente golpista “estabelecida”, com nome e CNPJ conhecidos e até escritório de advocacia trabalhando para ela. No mínimo, todo emissor de cheque vai ter que tomar muito cuidado com essa “novidade”.

          • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

            Sem dúvida, nem tinha pensado nessa hipótese de fraude.

          • http://ryan.com.br/ Jefferson Ryan

            E é evidente que o Bradesco sabe disso. Então essa nova facilidade depende de muito mais que simplesmente (como disse o executivo do banco) “mudar nossa legislação retrógrada” para permitir que o cheque não tenha mais que ser enviado ao banco. Todo o processo de emissão e aceitação de cheques tem que passar por uma mudança para isso funcionar.

  • Gabriel Cavalcante

    Muitos falam mal de bancos privados, mas quero ver em que século isso aparece na CEF e no BB(Sem contar One Time Password para realizar o acesso e as ações nos caixas e no internet Banking que já está disponível há um bom tempo).

    Claro que é sempre uma oportunidade interessante para zombar de Gbplugin e coisas feitas por alguns bancos para tornar ‘seguro’ o acesso; depender de versões específicas de java(com bug de ssl e o que mais for possível), navegador e sistema operacional é, no mínimo, patético. :D

    Parabéns ao Bradesco por pelo menos levar em conta essa possibilidade e quem sabe implementar para os usuários.

    • http://ceticismo.net André

      O Banco do Brasil só não é um câncer, porque câncer evolui. Ele consegue ser pior que o Santander, e eu realmente odeio o Santander.

      • http://twitter.com/Eddie_soul True Story

        Santander me fez falir minha empresa basicamente.

      • Ramon E. Ritter

        Tanto o atendimento quanto o Internet Banking do Santander são muito bons. Já as tarifas e a taxa de juros cobrados são estupidamente altas,,,

    • http://www.facebook.com/isaquefontinele Isaque Fontinele

      Ainda não tive contato com o acesso online do Bradesco, mas o do BB acho bastante prático e completo, sem falar que dá de dez a zero no da Caixa.
      Só precisa ficar menos tempo em manutenção toda semana… u_u

    • http://www.facebook.com/people/Marcelo-Eiras/1567301419 Marcelo Eiras

      Vale lembrar que o Banerj em 1988, ou seja a 24 anos atrás, já tinha sua “internet banking” via videotexto (VTX 1200/75).

  • Alexandre Bráulio Roldan

    Muito interessante o cheque deve vir com um código de barras ou IQ para evitar fraudes , se funcionar vai ser muito bom

    • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

      Mas cheque já tem código de barras. Basta observar no rodapé de qualquer cheque.

  • http://ceticismo.net André

    Fraudes em 3, 2, 1…

    • http://profiles.google.com/1bertorc Humberto Ramos Costa

      Não há aumento de fraudes, o cliente tem q levar o cheque físico a agência…

      • http://ceticismo.net André

        E antes não tinha, né?

        • http://profiles.google.com/1bertorc Humberto Ramos Costa

          Tinha do mesmo jeito, o processo em si não aumenta a possibilidade de fraudes mas também não é tão prático quanto se sugere. Alguém querendo cometer fraude vai ter q falsificar o cheque físico do mesmo jeito (já que ele tem q ser entregue a agência) então as dificuldades (e os controles) são os mesmos. Mas por outro lado se você tem que fazer o cheque chegar a agência não há tanto em termos de praticidade…

          • http://www.shimatai.com.br Wagner Shimatai

            Mas onde está escrito que tem que levar o cheque a agência?

          • http://profiles.google.com/1bertorc Humberto Ramos Costa

            “Em entrevista … o diretor executivo do banco, Candido Leonelli, explicou que por enquanto o cliente será obrigado a fazer o cheque chegar às mãos da instituição”
            Não posto links em comentários, mas se ficou curioso coloque o texto no google q vai achar a entrevista.

  • http://profiles.google.com/1bertorc Humberto Ramos Costa

    Não adianta muita coisa já que o cliente tem q entregar o cheque físico de qualquer jeito…
    “Em entrevista … o diretor executivo do banco, Candido Leonelli, explicou que por enquanto o cliente será obrigado a fazer o cheque chegar às mãos da instituição”
    Todos os bancos já possuem este tipo de serviço para clientes com grandes volumes de cheques (eles mandam os dados do cheque eletronicamente mas depois tem q entregar o cheque físico).
    Mas de qualquer maneira é uma tentativa de democratizar a prática e merece elogios.

  • http://twitter.com/lealadri Adriano Leal

    O Bank Of America tem esta solução há 4 anos nos EUA. Você apenas tem que se responsabilizar por armazenar o cheque por 6 meses, caso necessário uma auditoria você apresenta o documento.