Sony NEX-5R – mais uma boa opção

Depois de muita especulação, finalmente temos o anúncio da Sony oficializando o  lançamento da nova componente da família NEX que chega com características que estão se tornando obrigatórias em câmeras compactas mais avançadas. A NEX-5R chega com resolução máxima de 16 megapixels, a mesma da câmera antecessora, mas o sensor é algo completamente diferente. A Sony afirma que a câmera é equipada com o novo sensor CMOS APS HD EXMOR que, juntamente com o processador BIONZ, vai render ao usuário uma grande riqueza de detalhes tanto nas fotos quanto nos vídeos em Full HD. Bem, promessas todos os fabricantes fazem, mas realmente chegar até o objetivo proposto é outra conversa. Pode parecer uma atitude negativa de minha parte, mas sempre adoto a postura “só acredito vendo” quando o assunto são as novidades tecnológicas de equipamentos fotográficos.

Falando em novidades, a câmera tem pelo menos duas que merecem ser destacadas. A primeira delas é que a Sony está apostando em um novo sistema de autofocus híbrido. Assim como a Canon, em sua nova Rebel T4i, a Sony fez uma mistura entre o sistema de comparação de fases e detecção de contraste. No caso da Canon, a desculpa foi para melhorar a velocidade do autofocus no sistema Liver View (segundo alguns testes feitos pelo Dpreview não deu muito certo), e a Sony aposta no novo sistema também para elevar a velocidade do autofocus e sua precisão. Talvez funcione melhor em uma mirrorless que não possui a desvantagem do espelho das reflex (essa desvantagem se refere ao sistema Live View cujo autofocus é lento em quase todas as câmeras reflex). A segunda novidade é o fato da câmera ter Wi-fi para descarregamento das fotos e upload para o seu serviço de compartilhamento preferido. Estando de olho em fotógrafos que mandam suas fotos para a net direto da câmera, a Sony colocou um pacote com vários softwares de edição e efeitos para você não mandar o arquivo cru para sua rede de relacionamento. Uma opção interessante. Creio que o futuro é o Wi-fi em todas as câmeras fotográficas de valor elevado.

Outras especificações mostram que a câmera pode fazer 10 fotos por segundo, sua velocidade ISO vai de 100 a 25.600, visor LCD de 3 polegadas articulado  e estará disponível em três cores (branco, negro e prata). Vai chegar ao mercado em outubro com a lente básica 18-55mm pelo valor de US$ 750,00.

Relacionados: , ,

Autor: Gilson Lorenti

Geógrafo de formação e fotógrafo de coração, comecei a fotografar com 18 anos de idade (antes disso nunca tinha pegado uma câmera na mão). Depois de muito estudo veio a carreira profissional que passou por várias modalidades da fotografia até realmente descobrir o que gosto de fazer. Hoje me dedico ao ensino de fotografia, fotografia Fine Art e Books Fotográficos (gestante, moda, sensual). Tomando emprestado as famosas palavras de Ansel Adams "Quando as fotografias não forem mais suficientes, me contentarei com o silêncio".

Compartilhar