Etiópia anuncia primeiro smartphone produzido localmente

etiophoneNormalmente é uma notícia excelente, todo mundo comemora quando ao invés de importação temos investimentos em produção local, mas neste caso é preciso um tanto de ceticismo.

A situação das telecomunicações na Etiópia é pior do que se imagina. O país está nas mãos de uma estatal monopolista, que cobra o que quer e fornece serviço do jeito que acha melhor, quando não acha melhor não fornecer nada.

Agora uma disputa de versões coloca de um lado o governo dizendo que não é nada disso, e do outro gente dizendo que o Congresso votou uma Lei punindo com 15 anos de cadeia quem usar Skype ou qualquer outro programa de VOIP.

Com esse cenário, temos o “avanço”. A Tecno Mobile Ethiopia, subsidiária de uma empresa de Hong Kong investiu US$1 milhão Setembro passado, para montar a linha de montagem, e duvido que alguém consiga uma construção gramatical tão ruim.

Vão produzir smartphones Android 2.3, a um custo entre 6000 e 8000 Birrs, algo na faixa de US$334-US$445.

Legal, né? Um Smartphone que não deve ser grande coisas, a quase R$1000,00. A pergunta que não quer calar: QUEM vai comprar essa desgraça, em um país com uma renda per capita de US$360,00?

Isso dá US$30 por mês, menos de 1 Dólar por dia, a renda per capita do país DEFINE o conceito de linha de pobre extrema. a única explicação para essa fábrica é, ironicamente, a mesma do Brasil: Governos gananciosos com impostos altíssimos inviabilizando a importação e forçando a implantação de fábricas que não ajudam em nada o país e desviam recursos que poderiam ser usados em outras áreas.

Se houvesse um interesse real em telecomunicações implantariam uma linha de montagem da Nokia ou da LG, mas é preferível investir num esquema de elites, produzindo um smartphone que equivaleria no Brasil a um aparelho de US$12 mil.

Fonte: CN

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Walmart, Cupom de desconto Ricardo Eletro, Cupom de desconto Extra, Cupom de desconto Martins Fontes Paulista, Cupom de desconto Empório da Cerveja